-Publicidade-

Guedes mostra proteção social a informais durante a pandemia

Durante sessão da Comissão Mista da Reforma Tributária no Senado, ministro afirmou que 38 milhões de 'invisíveis' foram beneficiados pelo auxílio do governo.
Guedes: governo protegeu os 'invisíveis' durante a pandemia | Foto: Reprodução
Guedes: governo protegeu os 'invisíveis' durante a pandemia | Foto: Reprodução | paulo guedes, invisíveis, proteção social, ministério da economia, coronavírus

Em sessão da Comissão Mista da Reforma Tributária no Senado, ministro afirmou que 38 milhões de ‘invisíveis’ foram beneficiados pelo auxílio do governo

paulo guedes, invisíveis, proteção social, ministério da economia, coronavírus
Guedes: governo protegeu os “invisíveis” durante a pandemia | Foto: Reprodução

Em sessão da Comissão Mista da Reforma Tributária no Senado, o ministro da Economia, Paulo Guedes, mostrou alívio ao falar sobre dados de emprego no Brasil durante a pandemia.

“Enquanto países desenvolvidos como os Estados Unidos fecharam 33 milhões de vagas, nós, aqui no Brasil, conseguimos preservar 11 milhões de empregos formais”, destacou Guedes. “E ao ao mesmo tempo lançamos uma camada de proteção social para 38 milhões de invisíveis, entre desassistidos e outros trabalhadores informais.”

O ministro também afirmou que as ações ainda não foram finalizadas, já que apenas recentemente o crédito a pequenas e médias empresas conseguiu chegar a elas e o governo agora deve analisar, junto ao Congresso, a extensão do auxílio emergencial até que seja possível dar início ao Renda Brasil, programa que substituirá o Bolsa Família.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês