Iata faz apelo por volta de voos e defende testagem antes do embarque

Setor busca que a conectividade aérea global seja retomada
-Publicidade-
Avião da Azul pousa no Aeroporto Santos Dumont durante o período de obras de pavimentação com asfalto poroso  na pista principal
Avião da Azul pousa no Aeroporto Santos Dumont durante o período de obras de pavimentação com asfalto poroso na pista principal | Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro | Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Setor busca retomada da conectividade aérea global

avião
Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro | Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês) fez um apelo nesta terça-feira, 22, para que a conectividade aérea global seja retomada.

-Publicidade-

A entidade defende a ideia de que, em lugar da quarentena, todos os passageiros sejam submetidos a testes antes da partida e destaca que as viagens internacionais estão 92% abaixo dos níveis de 2019.

Leia mais: “Caças Gripen chegam ao Brasil como marco ‘antivenezuelização'”

“Mais de meio ano se passou desde que a conectividade global foi destruída, pois os países fecharam suas fronteiras para lutar contra a covid-19, alguns governos reabriram cautelosamente as fronteiras, mas houve uma aceitação limitada porque as medidas de quarentena tornam as viagens impraticáveis ​​ou as frequentes mudanças nas medidas da covid-19 tornam o planejamento impossível”, destaca a nota.

No primeiro momento, a proposta de testar os passageiros é direcionada ao mercado internacional, que praticamente não esboça reação nesses mais de seis meses de pandemia. O teste, entretanto, apenas será eficiente se o país-destino o aceitar e não impuser medidas de quarentena aos viajantes.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. O vírus-da-burrice destruiu a estrutura de sobrevivência dos humanos milhões de vezes mais do que o vírus do covidão chinês… Quando será que entenderemos e aceitaremos que tudo foi uma jogada política econômica ???

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.