Nos últimos 4 meses, 782 mil empresas abriram no Brasil

Cenário aponta para a rápida recuperação da economia
-Publicidade-
O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL | O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

Cenário aponta para a rápida recuperação da economia

nos últimos 4 meses
O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos
Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

Com as taxas de infecção do coronavírus desacelerando e a atividade econômica sendo retomada, os efeitos positivos são sentidos no setor empresarial. Conforme o Mapa de Empresas do Ministério da Economia, 1,114 milhão de companhias foram abertas no país entre maio e agosto deste ano. Contudo, no mesmo período, 331,5 mil foram fechadas. Portanto, o saldo do segundo quadrimestre foi positivo em 782,6 mil negócios. O levantamento feito pelo Ministério da Economia já havia mostrado que o volume de negócios abertos no país caiu quase 30% no início da pandemia.

Leia também: “Por onde virá a retomada”, reportagem publicada na edição n° 12 da Revista Oeste

Em abril, por exemplo, houve a criação de apenas 189,8 empresas. Contudo, dados publicados na quinta-feira 17 mostram que esse recuo começou a ser deixado para trás já no mês seguinte. Isso porque o volume de negócios que surgiram no país aumentou para 210.262, em maio, e para 265.841, em julho. A partir daí, ficou acima da casa dos 300 mil, superando a média dos últimos cinco anos. Foram 325.131 novas empresas, em julho, e mais 312.999, em agosto. Dessa forma, no segundo quadrimestre deste ano, foram abertas 1.114.233 empresas no país, apesar dos impactos negativos provocados pela covid-19. A maior parte desses novos negócios são Microempreedoredores Individuais, os chamados MEIs.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comments

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site