Orçamento do governo federal para 2023 pode vir com redução do déficit primário

O texto foi enviado para a apreciação do Congresso Nacional
-Publicidade-
Foto: Reprodução/Redes sociais
Foto: Reprodução/Redes sociais | Foto: Reprodução/Redes sociais

O projeto para Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2023 propõe o déficit do setor público em quase R$ 70 bilhões e R$ 3 bilhões para o Programa de Dispêndios Globais no próximo ano. Trata-se de uma redução sobre o valor estimado para o ano corrente (cerca de R$ 80 bilhões).

Ainda assim, o limite de despesas sujeitas ao teto de gastos é 6,5% maior que em 2022. O incremento pouco acima de US$ 100 bilhões eleva a barreira para R$ 1,7 trilhão. Em abril, o texto foi enviado para a apreciação do Congresso Nacional.

-Publicidade-

Parâmetros no projeto da LDO de 2023

De acordo com os parâmetros adotados pela equipe econômica, a Selic (taxa básica de juros da economia) deve chegar a 10% ao ano em 2023. Ou seja: 1,75 ponto porcentual a menos, em comparação ao valor atual (11,75%).

O documento trabalha com a previsão de crescimento de 2,5% para o Produto Interno Bruto em 2023. A inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo, é estimada em 5,3%. A cotação do dólar é projetada em R$ 5,3; e a do barril de petróleo, em US$ 90.

Melhora nos anos sequentes

A equipe econômica trabalha com expectativas ainda melhores para os dois próximos anos. Em 2024, a taxa de juros deve cair para 7,7% e o déficit para um valor próximo de R$ 28 bilhões. Já para 2025, esses números são projetados em 7,1% e R$ 33 bilhões, respectivamente.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.