-Publicidade-

Países ‘mais à direita’ têm resposta maior à pandemia, diz Campos Neto

Presidente do Banco Central afirmou que Brasil só teve gastos menores que Canadá, Japão e Estados Unidos.
O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto:  Raphael Ribeiro/BCB
O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto: Raphael Ribeiro/BCB | direita, pandemia, banco central, roberto campos neto, coronavírus, covid-19, combate à covid-19

Presidente do Banco Central afirmou que Brasil só teve gastos menores que Canadá, Japão e Estados Unidos

direita, pandemia, banco central, roberto campos neto, coronavírus, covid-19, combate à covid-19
O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto: Raphael Ribeiro/BCB

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, afirmou nesta terça-feira, 3, que países “com orientação política mais à direita” conseguiram uma “resposta fiscal média” maior do que aqueles com “orientação política mais à esquerda” durante a crise do coronavírus.

O chefe da autoridade monetária brasileira fez uma apresentação na Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e mostrou que as nações à direita do espectro gastaram cerca de 7,5% de seu Produto Interno Bruto (PIB) no enfrentamento da pandemia enquanto as mais à esquerda usaram apenas 5,2%.

De acordo com Campos Neto, os gastos para conter a covid-19 no Brasil só foram menores que os do Canadá, Japão e Estados Unidos.

Para o presidente do BC, “a deterioração fiscal na crise já afeta ratings, inclusive de economias avançadas, e prêmios, especialmente de emergentes”, o que deve trazer um expressivo aumento da dívida pública aqui e em países como China, Índia e México.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Ué? Mas, mas, mas os líderes esquerdistas não são os empáticos, humanistas, “generosos” e combatentes do mal??
    A hipocrisia da ESQUERDA sendo desmascarada outra vez!!

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês