-Publicidade-

Pepsico anuncia brasileiro como vice-presidente

Roberto Azevêdo assumirá cargo na multinacional após deixar a Organização Mundial do Comércio
O refrigerante Pepsi Cola é uma das marcas da PepsiCo
O refrigerante Pepsi Cola é uma das marcas da PepsiCo | Foto: Divulgação

Empresa detentora de marcas como Pepsi, Ruffles e Toddy, a PepsiCo terá um brasileiro como vice-presidente-executivo e diretor de assuntos corporativos a partir do início do próximo mês. A multinacional anunciou ontem que Roberto Azevêdo assumirá as duas funções em 1º de setembro.

Leia mais: “Tecnisa recebe de ‘forma inesperada’ proposta de fusão com a Gafisa”

Dessa forma, Azevêdo não ficará nem um dia sem atividade. Diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC) desde 2013, ele anunciou em maio que deixaria o comando da entidade antes do término de seu segundo mandato, que iria até agosto de 2021. Conforme noticiou Oeste, o brasileiro ficará no posto até o dia 31 deste mês.

“Decidi que deixarei o cargo”

“Em agosto, completarei sete anos como diretor-geral da OMC. E decidi que deixarei o cargo em 31 de agosto, encerrando meu segundo mandato exatamente um ano antes do previsto”, declarou Azevêdo no momento em que confirmou sua renúncia à direção-geral da OMC.

roberto azevêdo - omc - pepsico
Roberto Azevêdo: de saída da OMC, mas com novo emprego garantido
Foto: WEF/DIVULGAÇÃO

Desafio na PepsiCo

Fora da OMC, Roberto Azevêdo já sabe quais serão os trabalhos a ser desenvolvidos na PepsiCo. Afinal, a empresa afirmou em comunicado divulgado à imprensa que espera que o brasileiro ajude a “solidificar os esforços de engajamento externo da PepsiCo com governos nacionais e internacionais, reguladores, organizações internacionais e partes interessadas não governamentais.”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês