PIB global pode crescer mais que os 5,5% previstos em janeiro, aponta FMI

A diretora-gerente do Fundo, Kristalina Georgieva, mostrou-se esperançosa com a recuperação dos países em 2021
-Publicidade-
Kristalina Georgieva está otimista com relação à recuperação dos países neste ano
Kristalina Georgieva está otimista com relação à recuperação dos países neste ano | Foto: Reprodução/Flickr

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, afirmou que avanços nas vacinas contra a covid-19 e ações “fortes” monetária e fiscal fazem com que o mundo esteja no caminho da recuperação. Ela disse que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) global neste ano pode mesmo superar os 5,5% projetados pelo FMI em janeiro, mas também enfatizou incertezas, ao falar durante reunião virtual do G-20 nesta sexta-feira, 26. “As incertezas continuam muito elevadas, já que as vacinações ainda têm um longo caminho pela frente, diante de novas ondas e variantes do vírus”, avaliou. Em sua fala, Georgieva cobrou que se acelere a vacinação pelo mundo, “o ponto mais impactante para a recuperação global”, ao defender parcerias para apressar a produção e garantir a disponibilidade dos imunizantes “o mais rápido possível”. A diretora-gerente do FMI também defendeu crédito para empresas e famílias, a partir das circunstâncias de cada país, até a crise de saúde ser superada. “Nós devemos ter aumentos nas falências e nos estresses financeiros, inclusive excessiva volatilidade nos mercados financeiros”, afirmou.

Leia também: “Presidente da Argentina busca novo acordo com o FMI”

-Publicidade-

Com informações da CNN Brasil

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.