Representante de shoppings cobra auxílio de Guedes

Proprietários de centros comerciais vão se encontrar com o ministro da Economia esta semana
-Publicidade-
Donos querem socorro financeiro
Donos querem socorro financeiro | Foto: Divulgação/Canva

Os proprietários de shoppings brasileiros devem se reunir nesta semana com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Glauco Humai, presidente da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), espera que o governo preste socorro ao setor. “Linhas de crédito, auxílio para pequenos, médios e microempresários. Dessa forma, poderemos passar por este momento e reconstruir o nosso setor nos próximos meses”, declarou hoje, em entrevista ao Jornal da Manhã, da rádio Jovem Pan.

“Lojistas expõem crise do setor e se queixam de acordos com shoppings”

A Abrasce celebrou a reabertura dos centros comerciais, porém queixa-se de que os danos causados pelos sucessivos fechamentos sejam irreversíveis. Até o momento, as administradoras registraram prejuízo de 36% no faturamento em 2020, queda de 30% no último trimestre e 15% de demissões do pessoal. Os danos são maiores para os lojistas. Desde o início da epidemia, 13,2 mil estabelecimentos fecharam e 140 mil pessoas foram demitidas, conforme noticiou a Revista Oeste.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários Ver comentários

  1. Trabalho em Shopping e posso dizer que quem precisa de ajuda são os comerciantes e não os shoppings, estes não deixaram de cobrar aluguel um único mês da pandemia, na verdade, os shoppings lucraram mais, recebendo aluguel com os shoppings fechados, agora aqui onde trabalho, vários lojistas não aguentaram e baixaram as portas.

  2. Vão cobrar de quem, do Guedes do Governo federal, que desde o inicio avisou!! de quem queria deixar tudo aberto e funcionando dentro dos protocolos e com horario maior de funcionamento, cobrem do STF e dos governadores e prefeitos esta conta.

  3. Os donos de shoppings querem que o Brasil pague o lucro deles ???? ….não abriram mão de nada forçando o fechamento ou falência de vários lojistas….. nunca abriram mão do lucro em benefício de ninguém…… e ainda tem a cara de pau de pedir que o governo lhes ajudem, …….

  4. Tem que pedir socorro com os governadores e prefeitos que decretaram o fechamento… Os caras fecham tudo e agora o governo federal paga a conta! Ai é mole!!!

  5. Por que esse grupo poderoso não contestou os governos estaduais contra os fechamentos insanos. Não deram um pio contra o Dória, já que o estado de SP é o mais rico e populoso da Nação. Aceitaram a sem vergonhice dos governos como cães amestrados.

    1. COBRA DO RENATO RIQUE. O volume total de vendas dos shoppings próprios Abrasce somou aproximadamente R$ 14,8 bilhões nos últimos 12 meses. A companhia tem receita líquida de R$ 876 milhões e EBITDA de R$ 630 milhões nos últimos 12 meses, o que a torna a terceira no ranking nestes indicadores entre as empresas listadas de shopping centers do país.
      Contratos abusivos com lojistas. Cobram 2 aluguéis em dezembro, sufocando os lojistas.

      VOCÊS QUE SE EXPLODAM!!!

  6. Essas administradoras sempre ganharam rios de dinheiro e agora pedem ajuda bando de safados a ajude tem que ser para os negócios la funcionam pequenas e medias empresas e nao para estes sugasangues

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.