Shoppings esperam alta de 370% nas vendas de Dia das Mães

Levantamento foi feito pela Associação Brasileira de Shopping Centers
-Publicidade-
Lojas reabertas no Shopping Light, na capital paulista | Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Lojas reabertas no Shopping Light, na capital paulista | Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Os shoppings devem registar um aumento de 370% nas vendas para o Dia das Mães neste ano em relação ao ano passado, quando apenas 15% dos estabelecimentos estavam abertos devido à pandemia. Hoje, este índice chega a 90%. O levantamento foi feito pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce).

A segunda maior data do varejo brasileiro deve injetar R$ 2,7 bilhões na economia, mas em comparação a 2019, antes da crise sanitária, haverá queda de 19%.

Leia mais: “Novo presidente do Banco do Brasil nega interferência política: ‘Zero’”

-Publicidade-

“Estamos em contato com prefeitos e governadores para que os shoppings voltem a funcionar sem restrições, já que operam com rígidos protocolos sanitários e geram 3 milhões de empregos direta e indiretamente”, afirma Glauco Humai, presidente da Abrasce.

Segundo a pesquisa, as categorias de produtos mais procuradas devem ser perfumaria e cosméticos, seguida de vestuário e calçados, com 81%, 79% e 66%, respectivamente. O gasto médio deve ser de R$ 200,00, alta de 5,8% em relação à mesma data de 2020.

Canais de vendas que ganharam força desde o início da pandemia devem permanecer como alternativa no Dia das Mães. Dos 601 shopping centers no país, 91% pretendem disponibilizar delivery a seus clientes, e 77%, drive-thru.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro