-Publicidade-

Vacinação está atrasada desde a gestão de Mandetta na Saúde, diz Guedes

Ministro da Economia reconheceu lentidão do governo federal, mas também criticou governadores por condução da crise sanitária
'A entrega da vacina não está atrasada só agora, não', diz o ministro Paulo Guedes, da Economia
'A entrega da vacina não está atrasada só agora, não', diz o ministro Paulo Guedes, da Economia | Foto: Alan Santos/PR

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reiterou na terça-feira 16 a importância da vacinação em massa da população brasileira para a retomada do crescimento do país. Em entrevista à CNN Brasil, ele reconheceu que a campanha de imunização contra a covid-19 está sofrendo com a lentidão e já deveria ter começado ainda na gestão do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta na pasta da Saúde.

Leia mais: “Guedes diz ter avisado a Bolsonaro que interferir na Petrobras tem ‘custo econômico pesado'”

“A entrega da vacina não está atrasada só agora, não. No primeiro dia, Mandetta saiu com R$ 5 bilhões no bolso. É desde aquela época que deveríamos estar comprando vacina, não é mesmo? O dinheiro estava lá”, disse Guedes. Mandetta foi ministro da Saúde do início do governo do presidente Jair Bolsonaro até o dia 16 de abril de 2020, quando ainda não haviam vacinas disponíveis contra a covid-19.

O ministro da Economia admitiu que o governo federal poderia ter sido mais rápido para viabilizar a vacinação, mas também criticou governadores pela condução da crise sanitária. “Era possível ter sido mais rápido? Sim. Era possível que a mídia fosse mais construtiva? Era possível que os governadores ajudassem também? O dinheiro foi para os Estados. Então, por que os leitos foram desativados? Porque todos nós achávamos que a pandemia estava indo embora”, afirmou.

Leia também: “O que falta para o Brasil acelerar a vacinação?”, reportagem publicada na Edição 50 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. Boa mea culpa.
    Coloca os governadores na parede.
    Esse mandraquetta não merece comentários, só não devemos nos esquecer de que a recomendação do verme era procurar o hospital em caso de falta de ar…..

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.