Vendas de eletroeletrônicos têm primeira queda em quatro anos

No ano passado, as fábricas venderam 94,1 milhões de aparelhos, o que representa uma queda de 7,2% em relação a 2020
-Publicidade-
Venda de eletroeletrônicos fechou em queda no ano passado
Venda de eletroeletrônicos fechou em queda no ano passado | Foto: Divulgação/Casas Bahia

Segundo levantamento da Eletros, associação que reúne os fabricantes de eletroeletrônicos, as vendas para o varejo tiveram queda em 2021 pela primeira vez em quatro anos.

No ano passado, as fábricas venderam 94,1 milhões de aparelhos, o que representa uma queda de 7,2% em relação a 2020.

O maior recuo foi nos televisores, com redução de 15,8% nas vendas. Em seguida, vieram os eletroportáteis (-7%) e os eletrodomésticos da linha branca, como fogões, geladeiras e lavadoras (-4,9%).

-Publicidade-

O único segmento que teve expansão nas vendas em 2021 foi o de aparelhos de ar condicionado, que subiu 7,2%, chegando a 4,45 milhões de unidades comercializadas. O crescimento, no entanto, foi menor do que no ano anterior (30%).

“Foi uma frustração. Nem no primeiro ano da pandemia tivemos números tão ruins”, admite o presidente da Eletros, José Jorge do Nascimento Júnior.

Em 2019 e 2020, o setor cresceu 5% a cada ano. A expectativa para 2021 era uma alta entre 5% e 10%.

“O varejo está bem estocado e estamos numa situação bem complicada para vender nossos produtos”, explica Nascimento Júnior.

Com informações do jornal O Estado de S. Paulo

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.