-Publicidade-

Mais uma baixa no Ministério da Economia

Subsecretário de Política Macroeconômica, Vladimir Kuhl Teles deixa a equipe comandada por Paulo Guedes
Foto: ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Foto: ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL | ministério da economia - saída do subsecretário de política macroeconômica - Vladimir Kuhl Teles

Subsecretário de Política Macroeconômica, Vladimir Kuhl Teles deixa a equipe comandada por Paulo Guedes

ministério da economia - saída do subsecretário de política macroeconômica - Vladimir Kuhl Teles
Foto: ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL

Menos de uma semana após a saída de dois secretários especiais, o Ministério da Economia sofre nova baixa. Subsecretário de Política Macroeconômica, Vladimir Kuhl Teles deixa a pasta conduzida pelo ministro Paulo Guedes. A saída teve sua confirmação na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU).

Leia mais: “‘Ele finge que é liberal, mas é comunista’, diz Roberto Jefferson sobre Maia”

O fim da parceria de Teles com o governo federal se dá pelo mesmo motivo de Salim Mattar (Desestatização) e Paulo Uebel (Desburocratização): pedido de demissão. Conforme noticiado pela agência de notícias Reuters, a saída dele é de 13 de agosto, mas só foi divulgada agora pelo DOU.

De acordo com a equipe de comunicação do Ministério da Economia, a saída de Teles estava previamente combinada. A pasta informa que a baixa se deve a motivos pessoais alegados pelo agora ex-subsecretário. Por ora, não há a definição de quem será o próximo responsável pela Subsecretaria de Política Macroeconômica.

Teto de gastos

As saídas do Ministério da Economia ocorrem no momento em que Paulo Guedes passou a defender publicamente a manutenção do teto de gastos no governo federal. Nesse sentido, Oeste noticiou que ele conseguiu se impor e adiar — uma vez — o plano Pró-Brasil.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

  1. Força Gudes!! NÃO DESISTAS, PORQUE ESTAMOS COM VOCÊ!!
    Bolsonaro precisa afastar o fantasma que apavora do mercado, com as declarações do Rogério Marinho. Sem esta de furar teto de gastos!

  2. Isso tinha que acontecerem onde um Governo é manietado e dinamitado
    por uma esquerda ferrenha e suja, comandada por Stf e Legislativo, trabalhando contra , onde os Governadores e Prefeitos na sua maioria esquerdista comunista, delapidaram com as reservas Federais com corrupções e irresponsabilidades, alem de não permitir as privatizações
    esperadas para o Brasil alavancar, não ha equipe que se aguente.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês