Educação no Brasil avança, mas apenas ensino fundamental cumpre meta

Edição da semana

Em 15 set 2020, 13:35

Educação no Brasil avança, mas apenas ensino fundamental cumpre meta

15 set 2020, 13:35

Ensino Médio teve, em 2019, o maior salto desde 2005

educação

Escola Estadual Rui Bloem, na zona sul de São Paulo. | Foto: Paulo Liebert/Estadão Conteúdo

O Brasil avançou no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) em todas etapas de ensino, mas apenas nos anos iniciais do ensino fundamental, do 1º ao 5º ano, cumpriu a meta de qualidade nacional estabelecida para 2019.

Os resultados foram divulgados nesta terça-feira, 15, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Medido a cada dois anos, o Ideb é o principal indicador de qualidade da educação brasileira.

LEIA MAIS: Bolsonaro proíbe Renda Brasil e ameaça ‘cartão vermelho’ na equipe econômica

Etapas

  • 1º ao 5º ano – o índice passou de 5,8 em 2017 para 5,9, em 2019, superando a meta nacional de 5,7 considerando tanto as escolas públicas quanto as particulares.
  • 6º ao 9º ano – índice avançou de 4,7 para 4,9. No entanto, ficou abaixo da meta fixada para a etapa, 5,2.
  • Ensino Médio – passou de 3,8 para 4,2, ficando também abaixo da meta, que era 5.

Ensino Médio

O ensino médio teve, em 2019, o maior salto no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) desde 2005. Apesar do avanço, no entanto, a etapa não alcançou a meta prevista para o ano.

O ensino médio é considerado historicamente como a fase escolar mais crítica da educação básica, pela alta taxa de abandono e pelo baixo nível de aprendizagem. Desde 2013, o ensino médio não atinge a meta do Ideb.

Embora tenha havido avanços em relação a 2017, o país não atinge a meta nessa etapa de ensino desde 2013.

Com informações da Agência Brasil

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 Comentário

  1. Esse era o objetivo do governo, fortalecer a base da educação, não o ensino superior. Se uma criança aprender a gostar d estudar, ela vai levar isso p sua vida, vai estudar sempre. Quando o foco é no ensino superior a base q é a formação d tudo fica esquecida. Veremos o resultado disso não agora, mas nas próximas gerações. Demora mas nossos filhos e netos vão nos agradecer.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Supremas safadezas

Como os ministros do Pretório Excelso, o promotor da minha infância se julgava onipresente, onisciente e onipotente

A Suprema Corte e o abuso do poder

Quando juízes se tornam “superlegisladores”, as instituições se fragilizam e a sociedade perde a fé no sistema democrático

David Hume cancelado

Está em curso uma espécie de eugenia intelectual que conta com a simpatia ou covardia de reitores e professores de prestigiadas universidades internacionais

Vacina contra ditadura

Na ONU, Trump fez o que todo mundo com juízo deveria ter feito — e não fez, sabe-se lá por que mistério das escrituras empáticas

O Brasil na hora da verdade

Com o rombo nas contas públicas e o colapso da economia, a pauta das reformas ganha urgência, mas enfrenta as resistências de sempre

E chegamos à era dos ciborgues

Teremos nosso potencial mental multiplicado e nossas ações serão, literalmente, rápidas como o pensamento. O que faremos com esse novo poder?

Os intelectuais e a sociedade

Intelectuais ignoram que há mais sabedoria na população em geral do que num indivíduo qualquer, por mais inteligente que ele seja

Por que há socialistas com mais de 30 anos

Duas razões: todos nós crescemos em famílias, que são pequenas comunidades socialistas; e na economia contemporânea é difícil estabelecer a conexão entre esforço e recompensa

O Ocidente em guerra com seu passado

O que está em jogo não são apenas estátuas e outros símbolos físicos do passado, mas a preservação do espírito que inspirou as conquistas civilizacionais da cultura ocidental

Fracasso governamental

“Os governos fracassaram de modo retumbante na crise do coronavírus. Mas também não há evidências de que o...

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês