Eleições 2020: veja os nomes curiosos dos candidatos - Revista Oeste

Edição da semana

Em 20 set 2020, 17:20

Eleições 2020: veja os nomes curiosos dos candidatos

20 set 2020, 17:20

Capitã Cloroquina, Tchaka Tchaka e Borracha Neles são alguns exemplos da criatividade nas urnas

Reprodução/TSE

O festival de nomes curiosos de candidatos para as eleições 2020 já começou. Chupeta, Tchaka Tchaka e Capitã Cloroquina são alguns exemplos que marcam presença na lista do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Muitos candidatos optam por registrar apelidos pelos quais são popularmente conhecidos na cidade. Outros procuram atrelar o nome a alguma atividade que desempenham. E há os que apenas querem se distinguir da concorrência com um nome que fique marcado na memória do eleitor.

O prazo para registro dos candidatos das eleições municipais de 2020 termina em 26 de setembro. Entretanto, muitos se anteciparam e já é possível divertir-se com a criatividade de alguns pretensos  futuros “gestores” municipais. Todos eles ainda são pré-candidatos e aguardam julgamento do TSE para aprovação da candidatura.

Confira alguns nomes

Acre

Chega Mais (PSol) – Tarauacá

Bahia

Tchaka Tchaka (PT) – Baixa Grande

Minas Gerais

Dudu Cremoso (MDB) – Araújos
Itamar Boi (MDB) – Araújos
Gordinho da Usina (PP) – Bambuí
Pé de Pato do Lixo (Pode) – Bambuí
Adriano Pirulito (DEM) – Cana Verde
Dilma do Povão (PTC) – Dores de Guanhães
Ferreira do Suvacão (Patriota) – Dores de Guanhães
Enia da Toca da Onça (PSL) – Gouveia
Quinzinho da Água Parada (PSL) – Gouveia
Pipi de Jorge (PSD) – São Gonçalo do Rio Preto
Agenor Passa Régua (Avante) – Tarumirim

São Paulo

Alexandre Pires Pica Pau (Cidadania) – Aluminío
Donizete Gato Preto (PDT) – Alumínio
Zé Perninha (PSDB) – Analândia
Angela do Zé Rolinha (Pode) – Guaimbê
Pool (Cidadania) – Alumínio
Tôto da Center Musiky (PDT) – Araçoiaba da Serra
Chupeta (PSDB) – Arealva
Dr. Sobrancelha (PCdoB) – Campinas
Motorista Misericórdia (Avante) – Campo Limpo Paulista
Trufa do Cachorro Quente (Cidadania) – Catiguá
Bobó Baiano da Oficina (Pros) – Cosmópolis
Ney da dupla Rud e Ney (PSB) – Ibaté
Xuxa da Capela (PTB) – Ipuã
Sandro Mil Grau (PSD) – Mairiporã
Kbça (PMN) – Salto
Aladim (PSDB) – Mairiporã

Rio de Janeiro

Tadeu Tô Contigo (Republicanos) – Campos dos Goytacazes
Alessandro Fuscão (Republicanos) – Campos dos Goytacazes
Léo Pelanca (PSC) – Italva
Valéria Minha Prima (PSD) – Maricá
Advogado de Deus (PP) – Rio de Janeiro
Capitã Cloroquina (Avante) – Rio de Janeiro
Sallim Solução Amor no Coração (Avante) – Rio de Janeiro
Clenilton Pega Leve (PSL) – Aperibé
Borracha Neles (DEM) – Araruama
Ziel o amigo fiel (PP) – Araruama

Sergipe

Diazepam (PSDB) – Aracaju
Mãe Gorda do Povo (PSDB) – Aracaju

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

As piores eleições do mundo

A cura para a desgraça que são as eleições brasileiras é um conjunto de meia dúzia de providências simples como a tabuada

EUA — O que está em jogo

Em confronto, duas visões antagônicas sobre temas como geopolítica e comércio internacional, impostos e saúde, clima e energia, China e Oriente Médio

Meio ambiente é causa conservadora

Conservadores não podem se eximir da responsabilidade e reforçar a ideia de que preservação ambiental é pauta da esquerda

O plebiscito dos mentecaptos

Acaba o auxílio emergencial, mas começa a campanha emocionante do Ricardo Barros pelo plebiscito — e emoção é alimento espiritual

Nova Constituição para quê?!

Uma Carta ruim como a nossa deve ser reformada, e não anulada para que outra seja escrita. Essa é a solução conservadora

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Revista Oeste — Edição 32 — 30/10/2020

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês