-Publicidade-

Ainda sem vice, Covas faz elogios a Marta Suplicy

Em entrega de CEU na capital paulista, prefeito que tenta a reeleição elogiou ex-prefeita, num possível aceno para uma aliança.
Bruno Covas: atirando para todos os lados em busca de um vice | Foto: Antonio Molina/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Bruno Covas: atirando para todos os lados em busca de um vice | Foto: Antonio Molina/Fotoarena/Estadão Conteúdo | bruno covas, vice-prefeito, prefeitura de são paulo, eleições 2020, marta suplicy, gilberto kassab, andrea matarazzo, marcelo salles, joão doria, solidariedade, psdb, psd

Em entrega de CEU na capital paulista, prefeito que tenta a reeleição elogiou ex-prefeita, num possível aceno para uma aliança

bruno covas, vice-prefeito, prefeitura de são paulo, eleições 2020, marta suplicy, gilberto kassab, andrea matarazzo, marcelo salles, joão doria, solidariedade, psdb, psd
Bruno Covas: atirando para todos os lados em busca de um vice
Foto: Antonio Molina/Fotoarena/Estadão Conteúdo

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), elogiou a ex-prefeita Marta Suplicy (Solidariedade) ao entregar o Centro de Educação Unificado (CEU) de Vila Alpina, na zona leste da cidade.

“O CEU é uma marca da gestão Mara Suplicy”, lembrou Covas, que ainda busca um candidato a vice para sua tentativa de reeleição nas eleições de novembro para a prefeitura, depois da desistência do apresentador José Luiz Datena (DEM).

(Datena, aliás, acabou com o sonho do governador João Doria de iniciar uma coligação com o partido Democratas já este ano que pudesse render frutos para uma possível candidatura dele à presidência em 2022.)

Marta aparece em pesquisas do PSDB como uma boa candidata a vice do atual prefeito justamente por ter implantados os primeiros CEUs na cidade.

Outro citado pelo prefeito durante a inauguração, por também ter entregue alguns projetos do gênero foi Gilberto Kassab (PSD). Só que, neste caso, não seria o ex-prefeito o potencial candidato a vice e sim o ex-comandante da Polícia Militar de São Paulo (PM-SP) Marcelo Salles.

Um único empecilho, porém, deve frear a união: Salles deixou o governo Doria rompido com o governador, o que afastaria o pupilo Covas de seu mestre na política.

Além disso, Kassab também quer Andrea Matarazzo, que já saiu como vice de Marta na última eleição para a prefeitura, como cabeça de chapa nestas eleições.

Certeza mesmo por enquanto, apenas a de que Bruno Covas ainda entregará mais 11 CEUs este ano, obras no valor de R$ 550 milhões, muitas paradas há anos e que agora ficaram prontas.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês