-Publicidade-

Partido de Kassab confirma ex-tucano à prefeitura de São Paulo

Andrea Matarazzo é oficializado pelo PSD na disputa na eleição paulistana
Andrea Matarazzo, ex-tucano candidato a prefeito pelo PSD | Foto: REPRODUÇÃO
Andrea Matarazzo, ex-tucano candidato a prefeito pelo PSD | Foto: REPRODUÇÃO | andrea matarazzo - psd - candidato a prefeito de são paulo

Andrea Matarazzo é oficializado pelo PSD na disputa na eleição paulistana

andrea matarazzo - psd - candidato a prefeito de são paulo
Andrea Matarazzo, ex-tucano candidato a prefeito pelo PSD | Foto: REPRODUÇÃO

Filiado ao PSDB de 1991 a 2016, Andrea Matarazzo foi oficializado na tarde desta segunda-feira, 31, como candidato a prefeito pelo PSD. No partido criado e presidido por Gilberto Kassab, ele terá a deputada estadual Marta Costa como vice.

Leia mais: “PSL confirma candidatura de Joice Hasselman”

Além de anunciar as candidaturas de Matarazzo e Marta, a convenção municipal do PSD serviu para divulgar o slogan da campanha. Afinal, a equipe de marqueteiros da legenda se propõe a vender a ideia de que seu candidato a prefeito “conhece tudo de São Paulo”.

Com a palavra já na condição de prefeitável, Andrea Matarazzo criticou o atual ocupante do cargo, seu ex-colega de partido Bruno Covas (PSDB). Ele afirma que o oponente provocou uma “epidemia” na administração municipal. “A gestão atual tem sido um verdadeiro desastre”, enfatizou o membro do PSD.

O presidente nacional do PSD e ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, demonstrou entusiasmo com a candidatura chancelada pelo partido. De acordo com ele, Matarazzo representa “tudo aquilo que a cidade espera de seu próximo prefeito”, afirmou. “É a pessoa mais bem preparada”, complementou.

Matarazzo tentará, dessa forma, ocupar seu 11º cargo na política brasileira. Conforme destaca em seu site institucional, ele foi vereador paulistano na última legislatura (2013 – 2016). Não tentou a reeleição, pois foi candidato a vice-prefeito na derrotada chapa encabeçada por Marta Suplicy (então no MDB; hoje no Solidariedade).

Carreira política

Ainda como tucano, o atual candidato a prefeito pelo PSD foi:

  1. Secretário de Política Industrial do Ministério da Indústria, do Comércio e do Turismo (1992-1993);
  2. Presidente da Companhia Energética de São Paulo (1995-1998);
  3. Secretário de Energia do Governo do Estado de São Paulo (1998);
  4. Ministro-chefe da Secretaria de Comunicação de Governo da Presidência da República (1999-2001);
  5. Embaixador do Brasil na Itália (2001-2002);
  6. Subprefeito da Sé (2005-2007);
  7. Secretário municipal de Serviços (2005-2006);
  8. Secretário municipal de Coordenação das Subprefeituras de São Paulo (2007-2009);
  9. Secretário de Estado da Cultura (2010- 2012).
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês