-Publicidade-

Estado-chave dos EUA, Geórgia vai recontar votos

Secretário do Estado Brad Raffensperger fez o anúncio nesta sexta-feira
Foto: Gage Skidmore/Flickr
Foto: Gage Skidmore/Flickr | Foto: Gage Skidmore/Flickr

Secretário do Estado Brad Raffensperger fez o anúncio nesta sexta-feira

estado-chave
Joe Biden virou o placar na região | Foto: Gage Skidmore/Flickr

O secretário da Geórgia, Brad Raffensperger, anunciou nesta sexta-feira, 6, que as cédulas eleitorais serão recontadas no Estado. “Com margem tão pequena, haverá uma recontagem na Geórgia”, garantiu Raffensperger. O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, virou o placar hoje e aparece na frente do presidente Donald Trump. Segundo o republicano, há fraude nas eleições. Quem ganhar na região, leva consigo 16 votos do Colégio Eleitoral. Além da indefinição na Geórgia, Biden assumiu a liderança na Pensilvânia, que garante 20 delegados, o que seria suficiente para a vitória do Partido Democrata. Há ainda outros quatro Estados com o resultado em aberto. Em Nevada (6 delegados) e Arizona (11), Biden lidera, mas a distância para Trump vem caindo.

Leia também: “Funcionário dos ‘Correios dos EUA’ é preso por irregularidades”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Tem que recontar tudo do zero!

    Em 1967 quando o mercenário polonês Rafal Ganowicz foi questionado como ele se sentia em matar um ser humano, ele respondeu : ”Eu não sei, eu apenas matei comunistas.”

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês