-Publicidade-

Em SP, prefeito eleito promete começar mandato sem secretários

Para político do MDB, medida ajudará a economizar gastos

Para político do MDB, medida ajudará a economizar gastos no início da gestão

josé antônio saud - prefeito eleito de taubaté - mdb - sem secretários
José Antônio Saud é o prefeito eleito de Taubaté | Foto: Reprodução/Facebook

A cidade de Taubaté (SP) deve começar a próxima administração com 16 cargos vagos. Ao menos essa é a promessa feita nesta semana pelo prefeito eleito, José Antônio Saud (MDB). Ele garante que tomará posse no Poder Executivo sem nomear nenhum secretário. Atualmente, a estrutura da administração local conta com 16 secretarias.

Leia mais: “Prefeito do PT pode anular aumento do próprio salário”

Segundo o emedebista, a medida visa levar economia à máquina pública nos primeiros dias de 2021. Para governar o município — localizado na região conhecida por Vale do Paraíba e com população estimada em 317 mil habitantes —, o prefeito eleito espera contar com a ajuda dos servidores públicos concursados. Ele ainda garantiu que a decisão se deve pelo município contar com dívidas.

Nesse sentido, Saud garante que no dia 1º de janeiro de 2020, apenas dois novos funcionários começarão a trabalhar na prefeitura de Taubaté: ele e a vice-prefeita Adriana Mussi (MDB). “Quando você entra numa empresa coloca dois funcionários e automaticamente vem colocando mais funcionários à medida que vai precisando. É isso que a gente espera fazer”, afirmou Saud em entrevista à TV Vanguarda.

“Devemos pegar algumas áreas mais cruciais para a gente conseguir andar, mas na maioria das secretarias nós teremos os servidores tocando as secretarias. Mesmo porque com esse tempo tão pequeno para fazermos a transição não haveria outra possibilidade de ação”, prosseguiu o prefeito eleito de Taubaté.

Leia também: “Dinastias políticas”, reportagem de capa da Edição 35 da Revista Oeste.

-Publicidade-
Envie-nos a sua opinião, sugestão ou crítica! Fale conosco
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês