EUA negam participação em plano para derrubar Maduro - Revista Oeste

Em 8 Maio 2020, 09:34

EUA negam participação em plano para derrubar Maduro

8 Maio 2020, 09:34

Mike Pompeu afirmou que a democracia só voltará ao país “através de uma diplomacia vigorosa e efetiva”

O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo | Foto: AMBER L. SMITH/U.S. ARMY

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, afirmou que o governo norte-americano não estava vinculado de nenhuma maneira no plano que foi descoberto para retirar Nicolás Maduro do poder, mas afirmou que o ditador do país “deve ir”.

“Sempre fomos muito claros, Maduro deve sair. Esse esforço que vimos nos últimos dias, não foi algo feito pelos EUA, mas acreditamos sim que ele deve sair”, afirmou o líder da diplomacia do governo de Donald Trump, de acordo com o jornal venezuelano El Nacional.

Pompeo lembrou que Maduro foi “indiciado por narcotráfico” nos Estados Unidos, além de ter causado um grande caos na Venezuela. “Que calamidade trouxe o socialismo para uma nação que já foi rica. Queremos que se restabeleça a democracia para o povo venezuelano. É algo muito importante para eles, mas também para aumentar a segurança dos Estados Unidos”, concluiu.

A acusação

Nicolás Maduro

Foto: Rede Social

O regime de Maduro acusa “um grupo de mercenários e terroristas”, treinados na Colômbia e com o apoio dos Estados Unidos, de tentar invadir o país para derrubar a ditadura no último domingo, 3. Ocorreu um conflito e 8 pessoas foram mortas e 23 detidas, incluindo dois norte-americanos.

Sobre a acusação, três senados dos EUA pediram que o governo de Trump explicasse se tinha conhecimento do plano para derrubar Maduro e se recursos do país foram utilizados.

Em comunicado, Pompeo negou: “Maduro é um ditador e o povo da Venezuela merece viver novamente em uma democracia; mas isso só será conquistado através de uma diplomacia vigorosa e efetiva, não de aventuras militares.

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 Comentário

  1. Laranja madura dentro do Estado / tá bichada, ou tem ditadores no pé.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias