Gales vai retirar as restrições de viagens na próxima segunda-feira

Em 3 jul 2020, 11:35

Gales vai retirar as restrições a viagens na próxima segunda-feira

3 jul 2020, 11:35

De acordo com o primeiro-ministro do País de Gales, Mark Drakeford, as restrições a viagens serão retiradas na próxima segunda-feira

Restrições de viagens Gales

O Castelo de Conway, em Gales | Foto: ian kelsall/Pixabay

As restrições a viagens para os moradores do País de Gales, no Reino Unido, vão acabar a partir da próxima segunda-feira, dia 6. O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro de Gales, Mark Drakeford,

A medida que pedia que as pessoas ficassem a no máximo 5 milhas (cerca de 8 quilômetros) de casa será retirada. Com isso, elas poderão viajar e as atrações ao ar livre, como parques, serão reabertas.

Veja também: “Ministro da Saúde do País de Gales afirma que uma segunda onda do coronavírus é provável”

Com isso, também será permitido que uma família visite a casa de outra a partir de segunda-feira. De acordo com o governo galês, a abertura é possível porque os casos de coronavírus estão caindo.

Ao anunciar o fim dessas restrições, Drakeford solicitou às pessoas que pensem “cuidadosamente sobre onde ir e por quê”, informa a rede britânica BBC.

Restrições no Reino Unido

O Reino Unido introduziu restrições a viagens em março como uma das medidas do lockdown contra o coronavírus. A restrição em Gales durou mais tempo do que na Inglaterra, outro país que forma o Reino Unido.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, havia liberado as viagens em maio, mas avisou que a medida não valia para o País de Gales e que as pessoas não deveriam viajar para lá.

“Quero fazer o possível para restaurar as liberdades de que tivemos de abrir mão para o bem de todos”, afirmou Mark Drakeford em uma coletiva de imprensa.

E concluiu: “Quero que nossa economia se recupere. Isso não depende das ações do governo galês, mas sim das ações de todos os galeses”.

Apesar da liberação, Drakeford pediu que se mantenha cautela porque o vírus ainda circula. Ele disse que as pessoas devem trabalhar de casa se possível, evitar viagens desnecessárias, lavar as mãos com frequência, manter as regras de distanciamento social e evitar encontrar pessoas em ambientes fechados.

Para o primeiro-ministro do País de Gales, essas são as “regras de ouro”.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias