Governo vai prorrogar auxílio emergencial - Revista Oeste

Em 30 jun 2020, 11:39

Governo vai prorrogar auxílio emergencial

30 jun 2020, 11:39

Executivo vai prorrogar benefício em duas parcelas de R$ 600. Presidência da República trabalha para anunciar medida nesta terça-feira, 30

jair bolsonaro, reeleição

Presidente Jair Bolsonaro planeja anunciar prorrogação do auxílio emergencial ainda nesta terça-feira | Foto: Carolina Antunes/PR

O governo vai prorrogar o auxílio emergencial. O ministro da Economia, Paulo Guedes, chancelou a extensão do benefício em duas parcelas de R$ 600. A Presidência da República trabalha, agora, a divulgação normativa e parlamentar para anunciar ainda nesta terça-feira, 30, a medida.

Por manter o valor atualmente pago, o governo poderá prorrogar sem a necessidade de enviar um novo projeto de lei ao Congresso, explicam interlocutores da Presidência. É nisso que o ministro-chefe da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, trabalha atualmente. O anúncio, entretanto, contradiz o posicionamento inicial do governo.

A articulação política, por sua vez, trabalha o convencimento parlamentar. O ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, está em contato com líderes e vice-líderes para anunciar a medida e obter apoio. O Parlamento defendia três parcelas de R$ 600, mas o ministro vai defender dois pagamentos.

Na última semana, Ramos chegou a anunciar que o governo prorrogaria o auxílio emergencial por três meses. As parcelas, no entanto, seriam decrescentes. Começariam a ser pagas em um valor de R$ 500, indo para R$ 400 no segundo mês e terminariam em R$ 300 no terceiro mês. Ou seja, os mesmos R$ 1,2 mil que o governo se dispõe a anunciar.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias