-Publicidade-

Microsoft inaugura ‘escritório do futuro’ em Israel

O prédio da gigante da tecnologia foi construído para abrigar cerca de 2 mil funcionários
Escritório da Microsoft em Herzliya, Israel
Escritório da Microsoft em Herzliya, Israel | Foto: Reprodução/Microsoft

A Microsoft inaugurou em Herzliya, Israel, um “escritório” diferente. Com 46 mil metros quadrados, o projeto arquitetônico, entregue em novembro do ano passado, obedece a dois princípios: a sustentabilidade e a flexibilidade no uso dos espaços.

Além do design que privilegia a iluminação natural, com persianas para evitar superaquecimento, os refeitórios são abastecidos por energia solar. O prédio também conta com geradores atmosféricos, uma tecnologia capaz de transformar a umidade do ar em água potável. Segundo a empresa, a capacidade de geração é de 200 mil litros por ano.

Os postos de trabalho móveis, com mesas e cadeiras que podem ser trocadas de lugar, também vieram a calhar com a nova necessidade de distanciamento social (em decorrência da covid-19). No terceiro andar, todas as janelas têm vista aberta e é possível adicionar divisões acústicas para isolar grupos quando necessário.

O prédio do gigante da tecnologia em Israel foi construído para abrigar cerca de 2 mil funcionários, embora apenas centenas já tenham experimentado o novo local.

Fruto de 18 meses de obras e um investimento de mais de US$ 100 milhões, o empreendimento foi dividido em quatro “zonas”, como uma cidade real. Downtown é a zona industrial, enquanto Midtown reúne as áreas lúdicas, como salas de descanso. Já Garden é a área verde externa e Uptown inclui espaços como os refeitórios.

Leia também: “Microsoft entra na ‘briga’ do 5G”

Com informações da Época Negócios

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês