Jornais brasileiros receberam patrocínio da ditadura chinesa

Edição da semana

Em Em 19 nov 2020, 15:51

Jornais brasileiros receberam patrocínio da ditadura chinesa

19 nov 2020, 15:51

Partido Comunista injetou dinheiro em publicações nacionais, conforme documentos do Departamento de Justiça dos EUA

jornais brasileiros

Soft power chinês avança no Brasil | Foto: Divulgação/Flickr

Controlado pelo Partido Comunista da China, o jornal China Daily pagou veículos de comunicação brasileiros de modo a promover conteúdo governamental. A informação consta em documentos do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, publicados em 6 de janeiro deste ano. Na lista, a Empresa Folha da Manhã S.A., dona do título Folha de S.Paulo, arrecadou US$ 405 mil entre 2016 e 2020. Só em janeiro de 2019, a companhia jornalística recebeu US$ 41,4 mil para publicar material governamental. Os recursos também se destinaram à Editora Globo, responsável por arrecadar US$ 109 mil entre 2017 (em novembro, a companhia recebeu US$ 75.860,00) e 2018. Além das duas empresas de comunicação, a que controla o jornal Correio Braziliense também abocanhou alguns dólares: US$ 15.450,00 em novembro de 2019.

Grupo Folha

Trecho do documento em que constam alguns valores que o grupo Folha recebeu em 2018 e 2019 [clique na imagem para ampliá-la] | Foto: Divulgação/Departamento de Justiça dos EUA

Editora Globo

Trecho do documento em que constam alguns valores que a Editora Globo recebeu em 2017 [clique na imagem para ampliá-la] | Foto: Divulgação/Departamento de Justiça dos EUA

Correio Braziliense

Trecho do documento em que constam valores que o jornal Correio Braziliense recebeu em 2019 [clique na imagem para ampliá-la] | Foto: Divulgação/Departamento de Justiça dos EUA

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

31 Comentários

  1. O que dizer da imprensa nacional receber dinheiro do partido comunista chinês ? Fato revelado pelo Departamento de Justiça Americano ?

    Responder
  2. Explicado o amor do Grupo Globo e da folha de São Paulo pela China, e a confiança inabalável na “vachina” da ditadura chinesa…profundamente lamentável.

    Responder
    • Faltou a BandChina ai!!!

      Responder
      • Evidências confirmadas: imprensa intensa não é jargão, é confirmação de que os cursos de jornalismo atuais preparam as mentes para maquiagem do noticiário, tal como mentir ou criar narrativas baseadas em mentiras, cuja repetição desavergonhada passam a parecer verdades.

        Responder
    • Empresas brasileiras agem por interesse financeiros e de vendem aos comunistas chineses para prejudicar nosso país. Vergonha.

      Responder
  3. Dão tantos tiros nos pés esses comunas, que o nosso querido BOLSONARO sequer precisará abrir a boca para ser reeleito.
    E não abrindo a boca ganhamos todos.
    Triste final para essa corja de comunistas. O Dória tá achando que vão incluir aquela m**** no meio da m**** comunista!!!Usarão a m**** do Dória…e nada mais.

    Responder
  4. Nao esqueçao que quem controla a Rede Bandeirante e a Media Group China que hoje so tem o nome de grupo bandeirante o partido comunista e quem na realidade manda na Band e como e sabido do brasil quem mandou demitir o Lacombe foi o essa rede chinesa que nao aceitava ele defender o Bozo em seus programas

    Responder
  5. China poderia aproveitar essa aproximação e pagar a divida da GLOBO com o governo Federal.

    Responder
    • Não chega a ser novidade… pois do jeito que andam pendurados pela boca nos ovos dos chinos…. só podia haver $ na conversa!
      O que espanta é a quantidade de estúpidos que não enxerga….!
      Tá falado!

      Responder
  6. Isso acho que a Globo não vai falar…

    Responder
  7. O PC está dominando tudo.

    Responder
  8. Os grandes grupos de mídia estão literalmente vendidos! Não é à toa que diariamente se dedicam a atacar Bolsonaro. Quem mais ataca é quem mais ganha. Eu entendo isso como uma traição ao país.

    Responder
  9. Não chega a ser novidade… pois do jeito que andam pendurados pela boca nos ovos dos chinos…. só podia haver $ na conversa!
    O que espanta é a quantidade de estúpidos que não enxerga….!
    Tá falado!

    Responder
  10. Isso deve ser jogado no ventilador, já!

    Responder
  11. É tanta podridão!

    Responder
  12. Isto explica o que a Band e o Reinaldo Azevedo emitem e omitem sbre a China.

    Responder
    • Tá bom, de onde foi tirada essa planilha? Por ser uma informação muito comprometedora, no mínimo, foi adquirida por barganha.
      Honestamente eu não dúvido dessa gente, eles fazem tudo por dinheiro, mas é uma acusação grave e séria que precisa de fontes concretas e argumentos bem estruturados para de provar verdadeira, o que não vi na reportagem, embora não duvide da veracidade do fato….

      Responder
  13. Obrigado RO!
    A verdade tarda , mas aparece.
    A sensação de que os jornais tradicionais foram tomados pela esquerda era pura verdade !
    Leitor há muitos anos destes supostos defensores da liberdade de expressão, esta sensação me fez abandoná-los.
    Hoje temos raras publicações honestas como RO e Gazeta do Povo, infelizmente.
    Isto precisa mudar urgentemente.

    Responder
  14. Excelente reportagem . Precisamos de expor essas mentiras

    Responder
  15. Olha, eu não leio mais a Folha já faz muito tempo. Também não assisto a Globo em hipótese alguma. Entretanto, sugiro ao prezado jornalista que apure com mais profundidade essa informação. Quero dizer: o quê significa exatamente “promover conteúdo governamental?”. Que tipo de conteúdo foi esse: a favor do comunismo?; contra o Governo Brasileiro? De que forma teria sido feito esse patrocínio: dinheiro direto na conta?; Publicidade, de que tipo? No mais é preciso saber também -e o mais importante- que documentos o Departamento de Justiça Americano teria apresentado: depósitos bancários; recibos; matérias de conteúdo governamental; que matérias? Porque fica muito fácil você fazer uma planilha abjeta e apócrifa , assinada por um Departamento(?) sem citar as provas . E mais: digo tudo isso porque a notícia é gravíssima e por isso merece ser aprofundada e aí sim ser objeto de denúncia grave.

    Responder
    • Concordo.

      Responder
  16. A interferência da China não passa só pelos meios d comunicação, o projeto q eles estão implantando se chama “nova rota da seda” q na verdade está incluído na agenda 2030 da China. Nela está a compra d toda a infraestrutura dos grandes paises produtores do mundo, a compra d concessões d portos, rodovias, produção d energia, fazendas, processadores d alimentos, etc. Mas p isso ser possível precisa d duas coisas, a compra da imprensa e a compra dos políticos, ou seja, eles já estão agindo no Brasil a muito tempo, e só percebemos agora.

    Responder
  17. A compra do Brasil pela China não passa só pelos meios d comunicação, o projeto q eles estão implantando se chama “nova rota da seda” q na verdade está incluído na agenda 2030 da China. Nela está a compra d toda a infraestrutura dos grandes paises produtores do mundo, a compra d concessões d portos, rodovias, produção d energia, fazendas, processadores d alimentos, etc. Mas p isso ser possível precisa d duas coisas, a compra da imprensa e a compra dos políticos, ou seja, eles já estão agindo no Brasil a muito tempo, se aliando a partidos políticos e calando o povo.

    Responder
  18. Esqueceram Bandeirantes e CNN

    Responder
  19. PODE ISTO ARNALDO???

    Responder
  20. Incrível que a constituição proíbe estrangeiro proprietário empresa jornalística

    Responder
  21. Evidências confirmadas: imprensa intensa não é jargão, é confirmação de que os cursos de jornalismo atuais preparam as mentes para maquiagem do noticiário, tal como mentir ou criar narrativas baseadas em mentiras, cuja repetição desavergonhada passam a parecer verdades.

    Responder
  22. Eles estão injetando por meio da Caoa Cherry

    Responder
  23. Concordo que a investigação precisa ser apurada e discutida. mas o que mais chama atenção, são os baixos valores mencionados…

    Responder
  24. Tudo é a aplicação do novo plano mundial que estabeleceu a conquista dos povos muito mais barata embora mais lenta. Nada de invasão externa mas implosão interna destruindo a cultura, a educação, todas as religiões, conceitos morais, a família, todos os poderes civis, militares e todo sistema de informação. O povo contra ele mesmo. TV não é obrigação do governo mas concessão. O buraco é muito mais em baixo. Assim entendemos como este poder corrompe a nação, confundindo à população com jargões que é a “nova ordem” e é mesmo unificando os povos sob um único comando, abolindo o livre-arbítrio, o direto da propriedade e o novo Deus é o estado sob um único comando (que o Doria é só para bucha de canhão).
    Já estamos contaminados! Mas ainda é tempo para mudar UNINDO OS PODERES, A SOCIEDADE, AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DO POVO E O POVO EM GERAL, todos do bem para não haver infiltração do mau, dos lobos vestidos de ovelhas e dar UM BASTA E ASSUMIRMOS A NOSSA NAÇÃO PARA NÓS E PARA NOSSOS FILHOS. AGORA, JÁ pois já estamos pegando o ônibus da história andando. Temos sorte que o Presidente (mesmo com fogo amigo) é temente a Deus e ama o brasileiro a pátria e está a cada dia mais só e DEUS.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Um caso de amor com a tirania

Na França, é cada vez mais evidente o namoro com o autoritarismo sob o disfarce da racionalidade, da competência administrativa, do bem comum, da justiça social

A obsessão da imprensa por Donald Trump

Com o único propósito de ser anti-Trump, a mídia não saberá o que fazer se não puder culpar o bufão laranja por todo o mal que eventualmente venha a acontecer

O Guevara da Daslu

Faça como Doria. Pare diante do espelho, fale meia dúzia de clichês do humanismo de butique e note que você também tem um corpinho de centro-esquerda

A China e a fábula dos pardais

Enquanto o discurso ambientalista foca a Amazônia e as mudanças climáticas, a China segue com suas práticas predatórias e não assume responsabilidades

O gênio e o mito

Maradona não deveria ser uma referência moral para ninguém. Mas é um equívoco não homenageá-lo por seu futebol-arte

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês