-Publicidade-

Humberto Martins assume presidência do STJ

Internamente, Humberto Martins assume o posto com a missão de despolitizar as decisões da Corte
De acordo com Martins, seu objetivo  é fazer uma gestão focada no gerenciamento de processos | Foto: Gustavo Lima/STJ
De acordo com Martins, seu objetivo  é fazer uma gestão focada no gerenciamento de processos | Foto: Gustavo Lima/STJ | Humberto Martins

Internamente, Humberto Martins assume o posto com a missão de despolitizar as decisões da Corte

Humberto Martins
De acordo com Martins, seu objetivo  é fazer uma gestão focada no gerenciamento de processos | Foto: Gustavo Lima/STJ

O ministro Humberto Martins toma posse nesta quinta-feira, 27, como presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O ministro Jorge Mussi irá ocupar a vice-presidência da Corte.

Internamente, Humberto Martins assume o posto com a missão de despolitizar as decisões da Corte. Na avaliação de ministros, a gestão de João Otávio de Noronha, que deixa a presidência do STJ, foi marcada por embates políticos desnecessários.

De acordo com Martins, seu objetivo  é fazer uma gestão focada no gerenciamento de processos, na modernização tecnológica e na transparência.

Aliás, o novo presidente já adiantou que planeja a criação de seis comitês compostos por cinco ministros cada para atuar nas áreas de gestão, saúde, segurança e transporte, tecnologia da informação, assuntos legislativos e orçamento e finanças.

Perfil

Humberto Martins é alagoano de Maceió. Formou-se em Direito na Universidade Federal Alagoas. É especialista em Direito Civil e em Direito Constitucional. Conhecido por seu estilo conciliador, antes de chegar à presidência ocupou todos os cargos de direção da corte. Foi juiz de direito, juiz eleitoral e desembargador do Tribunal de Justiça de Alagoas. Trabalha sob o lema “magistratura forte, cidadania respeitada.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês