Lava Jato vai denunciar advogados de Lula à ONU - Revista Oeste

Edição da semana

Em Em 27 nov 2020, 20:53

Lava Jato vai denunciar advogados de Lula à ONU

27 nov 2020, 20:53

MPF do RJ acusa responsáveis pela defesa do ex-presidente de liderarem esquema de desvio de dinheiro

cristiano zanin martins - lula - moro - condenação anulação - lava jato - mpf-rj

Cristiano Zanin Martins é um dos advogados de Lula | Foto: Divulgação

Os advogados Cristiano Zanin e Roberto Teixeira serão denunciados à Organização das Nações Unidas (ONU) ao decorrer dos próximos dias, informa o site da revista Veja na noite desta sexta-feira, 27. Responsáveis pela defesa do ex-presidente Lula, eles são alvos de ação que partiu de procuradores do Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF-RJ).

Leia mais: “Moro X Bolsonaro: STF prorroga inquérito sobre ação na PF”

O documento a ser encaminhado à ONU é assinado por 12 procuradores atuantes na Operação Lava Jato. Segundo a Veja, o material destinado à entidade internacional reforçará as acusações sobre Zanin e Teixeira. Os dois são alguns dos investigados no âmbito da E$quema S, ação deflagrada pela Polícia Federal em setembro e responsável por apurar denúncias de desvio de até R$ 150 milhões no Sesc e no Senac do Rio de Janeiro. De acordo com o MPF-RJ, a dupla seria responsável por chefiar o esquema.

Ainda como desdobramentos da Operação E$quema S, a Justiça chegou a pedir o bloqueio de mais de R$ 230 milhões em bens de Zanin. Em contrapartida, ele se colocou como vítima de “clara prática do lawfare“, termo do inglês que pode ser interpretado como “guerra jurídica”. Além disso, ao lado de Teixeira, enviou representação à ONU denunciando a questão.

Resposta

No documento para a ONU, procuradores da Lava Jato no Rio de Janeiro reforçam a legalidade nas investigações contra os dois advogados de Lula. Nesse sentido, a equipe afirma que Zanin e Teixeira fechavam contratos fictícios, sem a devida prestação de serviços, em eventos que ocasionariam “desvios e apropriação de verbas públicas”. “Compadrios” e “influências” são alguns dos termos usados pelo time do MPF-RJ.

“Esdrúxula e vazia a versão conspiratória”

“É, portanto, absolutamente esdrúxula e vazia a versão conspiratória apresentada às Nações Unidas pelo Sr. Roberto Teixeira e pelo Sr. Cristiano Zanin Martins, que, ao revés de exercerem o seu legítimo direito de defesa pelo uso de pródigos recursos disponíveis na legislação brasileira, buscam vias heterodoxas para artificializar narrativas e alcançar vitimização e blindagem contra a possível punição por atos criminosos pelos quais vêm sendo acusados pelo Ministério Público Federal”, diz trecho do documento, informa a Veja.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

8 Comentários

  1. Esse Zanin na verdade estava defendendo era ele. Que roubalheira! Que gente sem escrúpulos. Que a terra lhes seja leve.

    Responder
  2. Enfim o ninho das cobras. A LAVAJATO não é de MORO/PSDB, não é de Tofolli/PT, não é de orcrims partidárias e instituições federais, a LAVAJATO nunca acabará! .
    Moro já foi.
    PSDB e Doria se explodem juntos no mesmo Boulos!!!
    Nunca covas deixará de ser Neto de Mário. As oligarquias são ORCRIMS. Entendeu Doria?

    Responder
  3. Vejam só… reclamar na ONU! Vou puxar um banquinho e aguardar, até quando , não sei. Reclamar de um advogado de um comunista, numa instituição comunista, façam me rir.

    Responder
  4. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!
    Tá de sacanagem? Se o e-presidiário Luladrão está livre, leve, solto e bêbado, por qual motivo iriam prender seus defensores corruptos quando a ONU corrobora com o mecanismo petista?

    Responder
  5. A investigação do sistema S, é a ponta do iceberg para a operação lava toga, ela investiga grandes escritórios de advocacia, que tem ligação direta com o judiciário, sairia dali o que chamamos de “venda de sentença” , delatado pelo presidente da FECOMÉRCIO do Rio. O juiz Bretas, diferente de Moro, é discreto e toma suas decisões enfrentando o pior de seus inimigos, o próprio judiciário. Confesso que não entendi a denúncia na ONU, Talvez isso traga luz a este processo de corrupção do judiciário brasileiro, Mas logo na ONU, que deram cadeiras para o Conselho de direitos humanos para a China e Cuba?

    Responder
  6. A ONU tornou-se um clube de tecnocratas. Não serve prá nada.

    Responder
  7. Estamos no ninho de cobras. Este é o caminho para sanear o único poder que ainda não foi auditado.
    O JUDICIÁRIO BRASILEIRO tem que se preocupar com a PRISÃO em SEGUNDA instância e fim do foro privilegiado. Instituídas estas PAUTAS ANTICORRUPÇÃO, as delações premiadas de SENADORES, em sua maioria corruptos, e DEPUTADOS, dentre eles Aécio, enfim acabarão com o CONLUIO com as instituições tipo STF.

    Responder
  8. No Brasil uma boa parcela dos que viviam no Olimpo da impunidade agora clamam por teorias conspiratórias mas na verdade, aqui ninguém é responsável por nada, o ladrão tem perdão, o político tem foro de impunidade, o pequeno vai preso por roubar pão e os mais espertos roubam à luz do dia, mas são eleitos e reeleitos. Aqui tudo é de mentirinha. Será que nós somos uma mentira?

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O partido contra o Brasil

Ninguém ainda descobriu no planeta um jeito tão eficaz de concentrar renda quanto a fórmula usada para administrar as contas públicas no país

A paciência acabou

Os brasileiros começam a reagir à cassação dos direitos individuais

Os novos senhores do mundo

Os gigantes da tecnologia censuram Trump, fazem o que bem entendem e exercem um poder global desmedido. Isso é justo?

Eficácia

“Você demorou muito a comprar. Eficácia depende de rapidez” / “Poxa… Se eu soubesse teria comprado mais rápido. Ando muito dispersivo”

O culto à ignorância

Valorizar a educação formal e a cultura clássica virou preconceito elitista, um mau sinal para o futuro

Como surgiu o novo coronavírus?

A resposta mais provável, até o momento: o vírus teve origem em pesquisas com manipulação genética no Instituto de Virologia de Wuhan

Globalistas assanhados com Biden

Eles não costumam viver de fatos, apenas de narrativas. Adotam a visão estética de mundo, e por isso a ONU é seu maior símbolo

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês