-Publicidade-

China ajuda mercados a ter altas expressivas nesta segunda-feira

Seguradora do país asiático aumentará participação no HSBC e lucro das indústrias de lá aumentou pelo quarto mês seguido.

Seguradora do país asiático aumentará participação no HSBC e lucro das indústrias de lá aumentou pelo quarto mês seguido

mercado, alta, mercado financeiro
Mercado financeiro opera em alta | Foto: Iximus/Pixabay

A China é responsável por boa parte das altas das ações desta segunda-feira, 28.

Uma seguradora do país asiático decidiu aumentar sua participação no HSBC, depois de o banco ter apresentado a maior desvalorização em seus papéis dos últimos 30 anos na semana passada devido ao escândalo do FinCEN. Com isso, a instituição bancária vê suas ações subir 8% hoje.

Os lucros das indústrias chinesas também cresceram pelo quarto mês seguido, 19% apenas em agosto.

E o Banco Central da China já afirmou que recomprará títulos de seu sistema bancário no valor de US$ 3 bilhões.

Na Europa, a volta das negociações do Brexit também anima o mercado.

E, nos Estados Unidos, a perspectiva de aprovação do pacote de estímulo à economia é o que levanta a bolsa de valores.

Para prestar atenção:

  • nos Estados Unidos, amanhã, 29, é dia do primeiro debate eleitoral entre Donald Trump e Joe Biden;
  • por aqui, ainda hoje, o presidente Jair Bolsonaro se reúne com os líderes da Câmara e do Senado para discutir a reforma tributária e o pacto federativo.
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Envie-nos a sua opinião, sugestão ou crítica! Fale conosco
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês