-Publicidade-

Negociações confusas nos EUA e no Brexit deixam mercados instáveis

Prazo para pacote de estímulos à economia americana terminou nessa terça-feira, mas presidente da Câmara estendeu prazo, dando esperanças de acordo saia, assim como negociador da UE.
Congresso americano ganhou mais prazo para votar pacote de estímulos à economia | Foto: Ben Schumin/Flickr
Congresso americano ganhou mais prazo para votar pacote de estímulos à economia | Foto: Ben Schumin/Flickr | mercado financeiro, pacote de estímulos à economia, Estados Unidos, nancy pelosi, brexit, michael barnier, união europeia, acordo comercial, petróleo, autonomia do banco central, senado federal

Prazo para pacote de estímulos à economia americana terminou nessa terça-feira, mas presidente da Câmara estendeu prazo, dando esperanças de acordo saia, assim como negociador da UE

mercado financeiro, pacote de estímulos à economia, Estados Unidos, nancy pelosi, brexit, michael barnier, união europeia, acordo comercial, petróleo, autonomia do banco central, senado federal
Congresso americano ganhou mais prazo para votar pacote de estímulos à economia
Foto: Ben Schumin/Flickr

O prazo para a assinatura de um pacote de estímulos à economia americana terminou nessa terça-feira, 20, à meia-noite. Contudo, a presidente da Câmara dos Representante, a democrata Nancy Pelosi, decidiu estender a validade do acordo trilionário.

Com isso, as bolsas de valores do país operam instáveis nesta quarta-feira, 21, com o dólar em queda, mas as ações passando por turbulências, sob o temor de que, mesmo com a boa vontade de republicanos e democratas, o pacote não saia.

Já na Europa, a indecisão sobre o acordo comercial do Brexit é o que faz os investidores ficarem estressados. O negociador pelo lado da União Europeia, Michel Barnier, afirmou que haverá uma resolução positiva para a história, mas até agora, tudo são promessas.

O Excesso de demanda e o medo de novos confinamentos sociais devido ao coronavírus fazem o petróleo mais uma vez operar em baixa.

E por aqui, o Senado deve colocar em votação nessa quinta-feira, 22, o projeto de autonomia do Banco Central, o que faz a B3 crer em juros mais baixos no futuro e em mais investimentos para o país em breve.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês