Ministro Celso de Mello divulga vídeo de reunião ministerial - Revista Oeste

Em 22 Maio 2020, 17:07

Ministro Celso de Mello divulga vídeo de reunião ministerial

22 Maio 2020, 17:07

O decano do Supremo Tribunal Federal decidiu quebrar o sigilo e revelar o material gravado no encontro entre ministros e o presidente Jair Bolsonaro

O ministro do STF Celso de Mello decidiu divulgar o vídeo da reunião ministerial com o presidente Jair Bolsonaro | Foto: Rosinei Coutinho/STF

O ministro Celso de Mello decidiu na tarde desta sexta-feira, 22, divulgar o vídeo da reunião ministerial ocorrida em 22 de abril com a presença do presidente Jair Bolsonaro, do ex-juiz Sergio Moro e ministros do governo.

O material pode ajudar na apuração das denúncias do ex-ministro da Justiça Sergio Moro, que afirmou em depoimento que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal.

Com a decisão, qualquer cidadão poderá ter acesso ao conteúdo do encontro de ministros com o presidente Bolsonaro. O decano autorizou, ainda, o acesso à íntegra da degravação do vídeo. Só dois trechos relacionados a política externa do país serão suprimidos.

“Determino o levantamento da nota de sigilo imposta em despacho por mim proferido no dia 08/05/2020 (Petição nº 29.860/2020), liberando integralmente, em consequência, tanto o conteúdo do vídeo da reunião ministerial de 22/04/2020, no Palácio do Planalto, quanto o teor da degravação referente a mencionado encontro de Ministros de Estado e de outras autoridades”, escreveu o ministro na decisão.

 

TAGS

10 Comentários

  1. Pegando fogo o parquinho!

    Responder
  2. Seria interessante pedir um exame de sanidade deste senhor.
    Abaixo a PEC da Bengala!!!

    Responder
  3. Vídeo rolando … SINCERAMENTE, tenho orgulho de dizer que votei no cara certo!!! Tirando os palavrões, tudo que Bolsonaro falou na reunião é o que ele defende: Deus, Pátria, família e liberdade.
    RESUMO DA NOVELA: O que ele queria é PROTEGER família das ameaças e armadilhas da imprensa marrom.
    INDIGNADO COM AS PRISÕES DA POPULAÇÃO.
    BOLSONARO VAI SAIR MAIS FORTE!!

    Responder
    • *ele quer é PROTEGER…

      Responder
  4. BOLSONARO 2022!! Obrigada, Moro!

    Responder
  5. Quero ver esse viu passar na integra na Globolixo, o país vai vibrar em saber que o PR defende a liberdade e que está preocupado com o autoritarismo ditatorial por todo lugar. Não estamos só.
    PR, invoque o Art. 142 da CF. Uma medida constitucional, pra salvar o povo do Congresso Corrupto e do STF militante.
    Voto renovado e quero minha arma!
    Celso de Mello: um pavão incapaz, indigno do cargo.

    Responder
  6. Até que enfim um morcego do STF – INADVERTIDAMENTE- reelege um PRESIDENTE da República com 2 anos é meio de antecedência. Agradecimentos.
    O q estará pensando Sarney e suas raposadas? Ñ me enganei, matilha é com o Renan.
    Brasil acima de tudo.
    Deus acima de todos.

    Responder
  7. Este é Pavão de Tatuí. O rei dos embargos infringentes.

    Responder
  8. Confesso que a publicidade do vídeo saciou minha curiosidade sobre a reunião. Constatei que o PR fala palavrões (já imaginava isso), mas interferência na polícia federal não vi. Agora, o Min. Celso de Mello expôs o País. Pensei que a publicidade ficaria restrita às conversas havidas entre os envolvidos do inquérito. Qual o objetivo de revelar as falas dos outros ministros e agentes públicos ? No âmbito do inquérito, não vejo pertinência. A decisão do STF foi jurídica ou política ?

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Coronavírus

Assine a nossa news

Oeste Notícias