Aeroporto de Wuhan registra recorde de voos desde o início da pandemia

O dado foi divulgado por Liu Rui, gerente de marketing da Hubei Airports Group Company
-Publicidade-
 Aeroporto Internacional de Wuhan Tianhe
Aeroporto Internacional de Wuhan Tianhe | Foto: Divulgação/News.cn

Os primeiros casos da covid-19 foram registrados em Wuhan, na China. Por 76 dias, até 8 de abril de 2020, o aeroporto internacional da cidade ficou fechado, para conter o avanço da pandemia. Na última quinta-feira, 29 de abril de 2021, a instalação recebeu 82,6 mil passageiros, distribuídos em 615 voos — segundo as autoridades chinesas, um recorde desde sua reabertura, há um ano.

O dado foi divulgado por Liu Rui, gerente de marketing da Hubei Airports Group Company. Entre 30 de abril e 5 maio, estão previstos 590 voos diários, quantidade que representa um aumento de 7,6% sobre o mesmo período em 2019.

Leia também: “Com aglomeração e sem máscara, Wuhan tem festival de música eletrônica”

-Publicidade-

 

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro