Afeganistão: explosão deixa 100 mortos em mesquita na cidade de Kunduz

Atendado suicida ocorreu durante as orações do meio-dia, quando o templo religioso estava lotado
-Publicidade-
Interior da mesquita fica destruído com explosão em Kunduz
Interior da mesquita fica destruído com explosão em Kunduz | Foto: Reprodução/Aamaj New

Em Kunduz, cidade a noroeste da capital do Afeganistão, Cabul, a explosão de uma mesquita deixou pelo menos 100 mortos e 145 feridos nesta sexta-feira, 8. O balanço de vítimas é da missão da Organização das Nações Unidas no país. De acordo com o Talibã, trata-se de um atendado suicida que ocorreu durante as orações do meio-dia (4h30, horário de Brasília), quando o templo religioso estava lotado.

Leia também: “Biden: ‘Não havia mais um propósito na missão no Afeganistão’”

“Houve uma explosão em uma mesquita de nossos compatriotas xiitas, e o resultado disso é que um número de nossos compatriotas foram martirizados e feridos”, disse o porta-voz do governo, Zabihullah Mujahid.

-Publicidade-

Nenhum grupo assumiu a autoria do atentado até a publicação desta matéria. Outros atos terroristas realizados durante a semana foram reivindicados pelo Khorasan, braço do Estado Islâmico no Afeganistão.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.