-Publicidade-

Aliado de Biden pede pressão sobre os ‘Bolsonaros do mundo’

Presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos EUA também pediu revisão da política de Washington sobre a ditadura venezuelana
Gregory Meeks foi nomeado ao cargo pelo Partido Democrata, que controla a Câmara
Gregory Meeks foi nomeado ao cargo pelo Partido Democrata, que controla a Câmara | Foto: Divulgação/Câmara dos Representantes dos Estados Unidos

O novo presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Estados Unidos, o democrata Gregory Meeks, afirmou que vai “promover os direitos humanos no Brasil”. O Congresso norte-americano certificou Joe Biden como novo ocupante da Casa Branca, conforme noticiou Oeste. De acordo com Meeks, o novo governo precisa discutir com o presidente Jair Bolsonaro “a marginalização das comunidades afro-brasileiras, indígenas e LGTB+”. “Há um papel que todos devem desempenhar e, se podemos estar de acordo e começar a falar e exercer a mesma pressão sobre os ‘Bolsonaros do mundo’, acho que podemos ter um grande impacto”, declarou Meeks, em entrevista à agência AFP, publicada na quarta-feira 6.

Entre outros pontos, Meeks pediu ao novo governo para rever a política de Washington sobre a ditadura venezuelana, com enfoque mais “multilateral”. “Não podemos entrar e dizer: ‘Esse é seu presidente’. Não é nosso papel mas sim do povo venezuelano”, disse, ao se referir a Juan Guaidó. Também Meeks comparou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a Nicolás Maduro. “Acho que muitas pessoas na Venezuela estão rindo porque o que Trump está fazendo nesta eleição é muito similar ao que Maduro tentou fazer na Venezuela. Precisamos de uma política diferente”, acrescentou o legislador. Além disso, Meeks garantiu que vai trabalhar pela retomada da ajuda humanitária aos palestinos que, segundo ele, foram desamparados pela gestão Trump.

Leia também: “Se ganhar, Biden promete ‘reunir o mundo’ contra o Brasil”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

41 comentários

    1. Que os brasileiros patriotas e responsáveis com a guarda e garantia de sua nação, sejam espertos o suficiente para tomar a causa Bolsonaro em suas mãos e não permitir interferências de nenhum seguimento social e de nenhum outro país em seus negócios internos.

      1. Os Estados Unidos “polícia do mundo” voltou. Só que dessa vez o alvo não é o Oriente Médio. Os americanos que tirem as mãos e os olhos da América Latina e não, isso não é papo de esquerdista.

        Estamos falando de um país estrangeiro querendo “gerir” outras nações direto de Washington!

        Não estamos na era do neocolonialismo e nem da política do “big stick”.

        Sentiremos saudades da política de não interferência do Trump.

      1. Realmente é mais um grande hipócrita a destilar a narrativa já combinada pelos globalistas.
        Invertendo a verdade e fingindo ser um defensor da verdade que ela mesmo se recusa a aceitar.
        Comparar o que aconteceu nestas eleições americanas com as da Venezuela trás somente um ponto em comum: assim como Maduro venceu como um rolo compressor fraudando sem medo de ser pego assim também os democratas passaram um rolo compressor de fraudes e corrupção sobre as instituições americanas sem nenhum receio de serem pegos.

      1. Ele que vá pra p”ta que o pariu.
        Democratas são verdadeiros demônios, dão o c* pra China e atacam a Polônia, lambem Cuba e Venezuela e atacam o Brasil.
        Daí a importância de não ter outro vagabundo quinta coluna como o Maia na câmara.
        Gente de fora só se acha no direito de nos tratar como sub-humanos desse jeito porque traidores como a nossa imprensa dão essa liberdade.

      2. Se vim pra cá nos bagaça.. com raiva … Se vim e rodo neles

      3. O Governo brasileiro tem que ficar muito atento aos movimentos dos progressistas e globalistas internacionais e nacionais. Os próximos 6 anos de governo Bolsonaro será de grandes confrontos.

  1. Duvido que esse governo do Biden dure um ano os americanos nao sao covardes como os brasileiros e se uma coisa que americano nao suporta e o socialismo entreguista nos ja vimos isso la.

    1. A vida do Sr. Biden não vai ser fácil. Além dos americanos contrários à sua eleição, ainda têm os seus aliados de extrema esquerda que vão cobrar o apoio, inclusive a vice. A atitude do Sr. Meeks demonstra a dificuldade que o presidente dos USA enfrentará. Democracia não é o forte dessa gente, isso sem falar das políticas sociais, econômicas, etc. O pior é que o estrago só aparece depois de alguns anos. Os brasileiros sabem muito bem disso.

  2. E os conservadores e liberais correm e se estapeiam para condenar os apoiadores do Trump. Não entendem a guerra suja que está sendo travada… acabarão escravos muitíssimo em breve!!
    Dica para os idiotas úteis: peçam a prisão dos manifestantes pró Trump, a esquerda agradecerá e cumprirá o pedido em dois tempos!!

  3. Se esse vagabundo pisar os pés por aqui, deveria o Bolsonaro, se ele ainda tiver um mínimo de brio, mandar esse zé mané conversar sobre esses assuntos com a Damares. Esquerdista com esquerdista se entendem. Nem o receberia no Planalto.

  4. …ao mesmo tempo que diz que não pode interferir na política venezuelana, uma ditadura bolivariana, afirma que vai interferir na do Brasil. Preparem-se para a pior gestão americana de todos os tempos…

  5. Todo o Brasil sabe q a DIREITA É grande maioria nacional, porém, dormiu e quando acordaram viram um congresso Nacional, um STF e as forças armadas totalmente aparelhadas com fins unicamente políticos, e urnas notoriamente fraudadas para q BOLSONARO, ULTIMA PEDRA NO SAPATO DA ESQUERDALHA CORRUPTA, SEJA RETIRADA DO CAMINHO PARA Q POSSAM SAQUEAR CADA VEZ MAIS A PATRIAN NOSSAS RIQUEZAS, NOSSA AMAZONIA . BRASIL COLONIA. Para eles, a vontade do povo pouco importa. Tudo isso aliado a uma CHINA q quer tomar o país de assalto, pois onde há corrupção, fica mais fácil conquistar. Parabéns esquerdistas imundos, estamos caminhando para a Venezualizacao do Brasil. Tenho pena das próximas gerações.

    1. Já temos muito lixo humano por aqui, agora os Comunistas estão querendo importar os lixos de fora.
      Quando os idiotas úteis acordarem, vão entender o que é uma Venezuela.
      O Brasil do Futuro está chegando.

  6. Mais uma fala de comunistas “salvadores do mundo”. É melhor ele cuidar do galinheiro dele. As sementes de Trump e Bolsonaro (ou melhor, do povo que percebeu a verdade escondida) irão fazer esse pessoal rebolar para se manterem na sanha predatória.

  7. O dever de cada brasileiro,é defender o Brasil…Se a escumalha esquerdopata trabalhar contra o Brasil,a unica solução é neutralizar essa turma…Espero que a covardia dos patriotas não chegue ao extremo,de entregar o Brasil a esses bandidos.

  8. Li alguns comentários acima e, um deles, diz que devemos estar atentos aos interesses dos americanos. Creio que o mais sensato a fazer é ficar atentos aos interesses de alguns políticos brasileiros e, muito mais ainda, a muitos brasileiros que não identificam os interesses de ninguém e são teleguiados por encantadores de burros!

  9. A piada é totalmente pronta.
    Nenhum político ou ministro tem ingerência internacional.
    Ele, certamente, andou lendo posts de militantes do PSOL e os traduziu para o inglês.

  10. Quanto mais este tipo de gente é contra Bolsonaro, mas eu confio nele!
    Tipinho comissário do P.T! Militante dos Sem Terra e de sem Vergonhas

  11. Agora veremos esquerdaloides APLAUDINDO o TIO SAM e suas politicas… vão inverter as narrativas do DEMONIO IMPERIALISTA e vai virar o queridinho da esquerda …. AGUARDEM ! … e se nós não fizermos a REMOÇÃO FISICA pelo menos do STF … vamos ter que engolir LULADRÃO reeleito pelas urnas eletronicas e de quebra vamos ver BOLSONARO E FAMILIA presos por um motivo qualquer … ACORDEM !!!

  12. A esquerda entreguista nacional, sim, porque O QUE VERDADEIRAMENTE ME ASSUSTA É CRESCENTE AMEAÇA QUE VEM DE DENTRO, vai quer fazer você pensar que agora os EUA querem libertar o Brasil, mas de quê? A Venezuela é que precisa ser libertada da fome e da opressão. Com esse objetivo vergonhoso, lembram a perseguição de conservadores pelos Nazista. Todavia, a verdade não é essa. Querem mesmo é enfraquecer o Brasil, prejudicar nossos negócios, o Agronegócio, e principalmente, abocanhar nossas riquezas minerais, nosso mar territorial e nossa água, para fazer destes esquerdistas ainda mais ricos do que já são, com a desculpa de que vão promover os “direitos humanos” no Brasil!

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês