Assírios estavam preocupados com a calvície há 2600 anos

Tábuas de argila do tempo do rei Assurbanipal podem representar a primeira enciclopédia médica de todos os tempos
-Publicidade-
Rei Assurbanipal caça leões no século 7aC. (Foto: Museu Britânico)
Rei Assurbanipal caça leões no século 7aC. (Foto: Museu Britânico)

O Museu Britânico divulgou o resultado da tradução de tábuas gravadas pelos assírios em argila há 2600 anos. Aparentemente se trata da primeira “enciclopédia médica” de todos os tempos. As tábuas estavam fragmentadas e agora puderam ser remontadas como num quebra cabeça e traduzidas. Pertenciam à biblioteca de Assurbanipal, o “rei do mundo”, que governou o Império Nea Assírio entre 669 e 631 aC.

Tábuas assírias de argila (Foto: divulgação Museu Britânico)

Segundo o jornal The Times, a tradução das tábuas, escritas na linguagem acadiana, podem ter trechos escritos em código para proteger o conhecimento médico. Por isso parecem repugnantes para a sensibilidade de hoje. Por outro lado, as tábuas mostram que a cura na época dos assírios não se baseava em “mágica”. Segundo o professor Mark Geller, do University College London, “o que nós temos são na verdade um monte de receitas médicas e remédios. É medicina de verdade”.

-Publicidade-

Receitas assírias

Os tratamentos prescritos nas tábuas cobrem literalmente da cabeça aos pés. Alguns exemplos listados pelo The Times:

Calvície – enfaixar a cabeça com agrião pulverizado por três dias. No quarto dia, raspar o cabelo. Lavar com álcali e ungir repetidamente com óleo. Prosseguir com mais três dias de unção com cetro amassado e óleo de cipreste.

Olhos – alguém cujos olhos estão “cheios de icterícia” pode ser curado socando-se a casca da romã e soprando-a nos olhos.

Dor de dente – faça gomas de argila, introduza os grãos de acordo com os dentes, insira o trigo preto no lugar do dente doente, encha-o com óleo de gergelim, sopre no meio das gengivas e recite o encantamento três vezes. Em seguida, coloque as gomas no buraco, voltado para o oeste e feche o buraco com argila e joio…

Dor de estômago – abaixe a cabeça, levante os pés, bata em sua bochecha e esfregue-o nesse estado de fraqueza, dizendo: “faz bem para a barriga”. Em seguida, com o polegar esquerdo, toque suas nádegas 14 vezes, sua cabeça 14 vezes e o solo.

O rei Assurbanipal combate um leão (Foto: divulgação Museu Britânico)

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.