Ataque cibernético fecha operação de carnes da JBS na Austrália

Informações foram repassadas pelo CEO da JBS Australia, Brent Eastwood, ao site Beefcentral
-Publicidade-
Foto: Andre Dusek/Estadão Conteúdo
Foto: Andre Dusek/Estadão Conteúdo

A JBS na Austrália foi atingida no último fim de semana por um grande ataque cibernético que interrompeu suas operações em todo o país. Não está claro se as atividades do maior frigorífico do mundo em outros países, como Canadá e Estados Unidos, também foram afetadas.

As informações foram repassadas pelo CEO da JBS Austrália, Brent Eastwood, ao site Beefcentral, portal especializado do setor. A empresa disse não poder especular sobre uma retomada das operações de processamento no país da Oceania e afirmou que a primeira prioridade era avaliar o impacto e a extensão do ataque.

-Publicidade-

Leia mais: “Contas públicas têm superávit recorde de R$ 24 bilhões em abril”

As operações de processamento, no entanto, seriam impossíveis sem o acesso normal a sistemas de tecnologia da informação e internet, disse o site. Os negócios da Primo Smallgoods, da JBS no Estado australiano de Queensland, também foram impactados.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site