Áustria torna vacinação contra covid-19 obrigatória

Lei já está valendo para os cidadãos austríacos; a partir de março está prevista a aplicação de multas para os não vacinados
-Publicidade-
Uma pesquisa mostrou que 51% dos entrevistados são contrários à obrigatoriedade da imunização
Uma pesquisa mostrou que 51% dos entrevistados são contrários à obrigatoriedade da imunização | Foto: Reprodução/Bundeskanzleramt

A Áustria tornou a vacina contra a covid-19 obrigatória para todos os cidadãos do país. A regra está valendo desde terça-feira 1º.

O governo do chanceler Karl Nehammer irá criminalizar as pessoas que recusarem o imunizante.

A polícia começará a checar o status de vacinação das pessoas nos espaços públicos e durante fiscalizações de trânsito.

-Publicidade-

A partir do dia 15 de março, quem não tenha se vacinado poderá pagar uma multa que pode chegar a € 3,6 mil (R$ 21 mil). A lei foi aprovada em janeiro pelo Parlamento austríaco.

Atualmente, cerca de 76% da população do país está completamente vacinada, de acordo com o site Our World in Data.

A lei deverá permanecer em vigor até 2024, mas está recebendo uma enxurrada de críticas no país europeu com diversas manifestações.

Mais de 100 mil austríacos registraram sua oposição à vacina contra a covid-19, com alguns advogados argumentando que a obrigatoriedade poderia violar direitos fundamentais.

O país é o primeiro da União Europeia a propor que a vacinação contra a covid-19 seja obrigatória para todos os cidadãos.

Maioria é contrária à obrigatoriedade

Uma pesquisa publicada pela revista Profil mostrou que 51% dos entrevistados são contrários à obrigatoriedade da imunização. Por outro lado, 45% dos consultados se mostraram favoráveis à vacinação compulsória.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, a Áustria já contabilizou mais de 1,8 milhão de infecções pelo novo coronavírus, de acordo com as autoridades sanitárias. Cerca de 14 mil pessoas morreram no país em decorrência da covid-19.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários Ver comentários

  1. Enquanto essa “mulas” (com todo respeito ao animal mula) estiverem no poder, coisas como essa vão acontecer. Canadá acordou, Brasil não durma.

  2. Tiranetes de plantão sem conhecimento de causa deliram em orgasmos profundos ao fazer tal exigência agora será que eles e família tomaram ???? Aliás , a três idiotas que concordam com os ditadores disfarçado de governadores 👍🤔

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.