Biden, sobre retirada dos EUA do Afeganistão: ‘Estamos abrindo uma nova era de forte diplomacia’

Na Assembleia Geral da ONU, presidente dos EUA disse que está empenhado em adquirir vacinas e combater as mudanças climáticas
-Publicidade-
O presidente Joe Biden, em seu primeiro discurso na Assembleia Geral da ONU como chefe do Poder Executivo | Foto: Reprodução/Casa Branca
O presidente Joe Biden, em seu primeiro discurso na Assembleia Geral da ONU como chefe do Poder Executivo | Foto: Reprodução/Casa Branca

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, comentou nesta terça-feira, 21, a saída de militares norte-americanos do Afeganistão. A retirada descoordenada possibilitou a volta do grupo extremista Talibã ao poder. “Acabamos com 20 anos de conflito”, declarou o democrata, em pronunciamento na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas.

“À medida que fechamos esse período de guerra implacável, estamos abrindo uma nova era de diplomacia implacável, de usar o poder de nossa ajuda para o desenvolvimento”, disse, ao mencionar ser necessário “investir em novas maneiras de renovar e defender a democracia. Biden afirmou ainda que seu foco será em adquirir vacinas e combater as mudanças climáticas.

Leia também: “O fiasco de Joe Biden”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 74 da Revista Oeste

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

10 comentários Ver comentários

  1. não tem conflito agora.. tem opressão das mais cruéis e desumanas! e agora ele vai trabalhar em coisas que realmente importam.. vacina que está sobrando por lá a ponto de querer vacinar crianças.. e mudanças climáticas…uma redundância … e que foge ao controle humano… um cretino, vigarista, beócio e histérico!

  2. Claro, diplomacia. Muito diálogo com uma horda de bárbaros medievais avessos à liberdade e ao progresso. E ambientalistas… Kkkkkkkkk
    Perguntem ao cidadão americano comum quem ele escolhe: Bolsonaro ou Biden.

  3. Muito interessante. Precisava apenas checar (chama alguém da UOL…) se os talibãs passaram a se integrar a essa ideia de diplomacia…. Até agora, ao que parece, eles têm agido de forma bastante diplomática com a população local…

  4. O Alzheimer de Biden cada dia toma mais conta dessa massa cinzenta impensante e energúmena. Pra ele o escândalo criado no Afeganistão deve ter virado uma vaga lembrança.

  5. Belíssimo exemplo de “forte diplomacia” foi a retirada vergonhosa do Afeganistão. Biden é patético. Os EUA mereciam um presidente melhor.

  6. Como é de costume…..a esquerda “faz” uma coisa e “fala” outra……me engana que eu gosto…..quem quiser que acredite nesta versão……

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.