Bill Gates: quando a Ômicron passar, a covid-19 será parecida com a gripe

Bilionário disse ainda que não acredita em outras variantes mais transmissíveis que a atual
-Publicidade-
Empresário avalia que a pandemia pode estar chegando ao fim
Empresário avalia que a pandemia pode estar chegando ao fim | Foto: Thomas Hawk/Flickr

O dono da Microsoft, Bill Gates, disse o que pensa sobre a variante Ômicron. “Quando o atual aumento de casos diminuir, acredito que os países terão muito menos casos até o fim de 2022”, afirmou, no Twitter, na quinta-feira 13.

“Quando isso acontecer, a covid-19, provavelmente, poderá ser tratada mais como uma gripe sazonal”, previu o bilionário. Especialistas defendem a tese segundo a qual a rápida disseminação da Ômicron pode ter um efeito positivo.

Como muitas pessoas seriam imbuídas com a chamada imunidade de rebanho, isso levaria pandemia a uma fase menos grave. “Quando o coronavírus se tornar endêmico, talvez tenhamos que tomar vacinas anuais”, observou Bill Gates.

-Publicidade-

Além disso, o dono da Microsoft disse ainda que não é provável que surja uma variante mais transmissiva que a Ômicron. “Mas nós todos fomos muito surpreendidos durante essa pandemia”, acrescentou o bilionário, na rede social.

Variante Ômicron no Brasil

Apesar do aumento de casos na nova variante Ômicron no Brasil, as mortes continuam em patamares baixos, em comparação com o pico da pandemia. A média móvel de mortes hoje é de cerca de 140. No pior momento da crise, em abril do ano passado, chegou a pouco mais de 3 mil óbitos.

Como a circulação da Ômicron já é dominante no Brasil, segundo declaração, na terça-feira 11, do próprio ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a tendência é que as contaminações mais brandas não impactem significativamente em hospitalizações graves e mortes.

Leia também: “Um basta na pandemia”, reportagem publicada na Edição 95 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

17 comentários Ver comentários

  1. Globalista, como confiar? Mas espero que esteja certo, apesar que alguma coisa ele deve estar ganhando com essas declarações, eles não jogam pra perder 🤷🏻‍♀️

  2. É a primeira vez que concordo em parte com ele. Essa variante é a vacina natural. Porém discordo da necessidade de vacinas anuais. Isso é papo para encher o bolso de laboratórios.

  3. Cadê o 5TF para mandar prender esse negacionista da gravidade da pandemia?
    Ah, esqueci.
    Só os bolsonaristas são atingidos pelos togados!
    Estou aqui ainda tentando decifrar o que está, de fato, por trás desta declaração.
    Coisa boa não deve ser.

  4. Ele deve saber do que está falando, porque participou de todo este jogo! Mas ele está lembrando que a vacina deverá ser tomada todo ano, como sócio de laboratórios, não pode perder esta boquinha!

  5. Disse o que pensa… nos dias atuais coisa pra bilionario kkkkkk. A nós, mortais, resta ficar de bico calado ou dizer ahhhh …. é…… DISSE O Q PENSA foi muito boa! kkkkkk

  6. A sorte do Gates é que ele não é o Bolsonaro, pois se fosse, com uma opinião dessas todas as suas contas nas redes sociais já estariam sendo bloqueadas acusado de disseminar fake news e de minimizar as consequências do coronga, além sofrer uma perseguição da lacrosfera e da mídia esquerdista…

    1. Mas aí é que está o ponto. Ele foi escolhido a dedo, para dizer estas palavras escolhidas a dedo, por pessoas que nós mortais nunca faremos ideia quem sejam. E se ele foi o mensageiro, quem deu essa incumbência para o bill é ainda mais trilhardário e poderoso.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.