-Publicidade-

Evo Morales dificulta chegada de oxigênio a doentes com covid-19 na Bolívia

Evo Morales dificulta chegada de oxigênio a doentes com covid-19 na Bolívia.
Evo Morales impede que oxigênio e medicamentos cheguem a doentes com covid-19 na Bolívia | Foto: Escritório de Imprensa e Informação da Presidência da Rússia
Evo Morales impede que oxigênio e medicamentos cheguem a doentes com covid-19 na Bolívia | Foto: Escritório de Imprensa e Informação da Presidência da Rússia | evo morales, covid-19, bloqueios, estradas, bolívia

Mesmo exilado na Argentina, ex-presidente de esquerda mandou que seus correligionários fechassem estradas e impedissem passagem de suprimentos

evo morales, covid-19, bloqueios, estradas, bolívia
Evo Morales impede que oxigênio e medicamentos cheguem a doentes com covid-19 na Bolívia | Foto: Escritório de Imprensa e Informação da Presidência da Rússia

Depois de ser derrotado pelo governo em sua tentativa de impor o dia 6 de setembro como a data da eleição na Bolívia — o pleito terminou ficando para 18 de outubro por razões sanitárias —, o líder bolivarianista Evo Morales ordenou que seus correligionários fechassem estradas em todo o país.

Com isso, milhares de doentes com covid-19 deixaram de ter acesso a medicamentos e oxigênio, que chegariam pelas rodovias, para o tratamento da doença.

A presidente interina do país, Jeanine Áñez, pediu ao partido aliado ao de Morales que refletisse sobre o mal que o bloqueio causa. “Pedimos aos dirigentes da COB [Central Operária Boliviana] que pensem no dano que suas medidas estão ocasionando. Peço-lhes mais uma vez que deixem de bloquear e cuidem de nosso povo”, postou em uma rede social.

O presidente da COB, Juan Carlos Huarachi, até chegou a pedir que se liberasse a passagem dos caminhões que transportam os suprimentos, mas, incitados pelo ex-presidente, os apoiadores de Morales não deram trégua.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês