Bolsonaro e Xi Jinping selam paz após polêmica entre embaixador e Eduardo Bolsonaro

Presidente brasileiro e chinês selam "compromisso conjunto de dar continuidade ao estreito diálogo a favor do desenvolvimento saudável, estável e constante"
-Publicidade-
Foto: Alan Santos/PR
Foto: Alan Santos/PR
Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro colocou um fim à polêmica com a China. Após trocas de mensagens pelo Twitter na última semana envolvendo o embaixador chinês, Yang Wanming, e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), o chefe do Executivo Federal conversou sobre o combate ao coronavírus com o presidente chinês, Xi Jinping.

-Publicidade-

Pelo Twitter, Wanming diz que os dois reafirmaram o “compromisso conjunto de dar continuidade ao estreito diálogo a favor do desenvolvimento saudável, estável e constante da Parceria Estratégica Global numa base mais forte e mais durável”.

Os dois presidentes também “reiteraram o compromisso com a estabilização e ampliação da parceria comercial, com especial neste contexto desafiador, contribuindo responder ao impacto causado pelo covid-19 na economia mundial”. Também se prontificaram a “se empenhar para retomar o crescimento econômico e comercial do mundo.”

Cooperação

Ainda de acordo com Wanming, os dois presidentes reforçaram a necessidade de aumentar a cooperação no combate e controle da pandemia, “inclusive nos materiais médicos”. “Consideram que a única solução correta de vencer a pandemia com maior brevidade é a cooperação internacional”, destacou.

Os dois concordaram com a importância de apoiar a proposta da Arábia Saudita de celebrar o mais rapidamente possível uma videoconferência dos líderes dos países do G-20 no âmbito de combate ao coronavírus. Por fim, Xi Jinping manifestou a solidariedade ao governo e ao povo brasileiro. “Faz voto pelo sucesso brasileiro o quanto antes no combate à covid-19 sob a liderança do presidente Jair Bolsonaro”, disse Wanming.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site