Busca por vasectomia cresce 900% nos EUA após decisão da Corte sobre aborto

Cirurgia é recomendada para homens que não querem mais ter filhos
-Publicidade-
Suprema Corte dos Estados Unidos, que derrubou o direito federal ao aborto no país
Suprema Corte dos Estados Unidos, que derrubou o direito federal ao aborto no país | Foto: Divulgação/Twitter

O interesse no procedimento de vasectomia aumentou nos últimos dias nos Estados Unidos. Com a derrubada do direito constitucional ao aborto no país pela Suprema Corte, no fim de junho, médicos estão recebendo demandas até 900% maiores, informa a rede de TV FOX News. A vasectomia é uma cirurgia recomendada para homens que não querem mais ter filhos. O procedimento interrompe a circulação dos espermatozoides, produzidos pelos testículos, impedindo a gravidez.

“O número de pessoas que procuram fazer uma vasectomia aumentou em 900%”, disse um médico urologista do Estado de Kansas ao canal norte-americano. “Normalmente, são cerca de três em um fim de semana, mas no fim de semana passado foram 50 pessoas.” 

-Publicidade-

Segundo reportagem do jornal The Washington Post, o fenômeno é nacional. “Médicos de todo o país estão vendo um grande aumento nos pedidos; homens com menos de 30 anos são os que mais estão em busca do procedimento.”  Em Los Angeles, de acordo com a mesma publicação, houve aumento de 300% a 400% na busca pelo procedimento. 

Em 24 de junho deste ano, a Suprema Corte dos EUA decidiu reverter a legislação do país referente ao direito ao aborto em âmbito federal. O principal tribunal norte-americano derrubou uma lei em vigor desde 1973. Com a decisão, a legalidade do aborto fica sob responsabilidade dos Estados. 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

13 comentários Ver comentários

  1. 🍓 Oi) Meu nome é Paula, tenho 24 anos) Budding SEX modelo 18+) Adoro fotos nuas) Por favor, classifique minhas fotos em 👉 https://ja.cat/id205476

  2. Essa “”juventude”” na faixa de 30 anos na realidade não tem competência para serem pais. São covardes e libertinos! Geração inútil até para procriar decentemente.

  3. Ah, então quer dizer que antes, para se “desfazer” de uma gravidez indesejada, era só a mulher matar o “fruto indesejado” e pronto? O homem ficava bem confortável na sua posição de macho e a mulher descansada porque se livrava do “incômodo”? Hum 🤔 isso é repulsivo 😡

    1. O maior amigo do aborto é a traição no casamento mesmo descriminalizando continuará havendo aborto ilegal porque quando se trai e gera um feto esse feto tem que ser tirado sem deixar vestígios ou seja o anonimato é imprescindível.

  4. Esse é um procedimento simples que não gera consequências. Paternidade responsável é o caminho da segurança, do respeito sem envolver seres indefesos. Por mais pessoas assim.

  5. O que assistiremos a longo prazo será uma substituição da população norte-americana por imigrantes sul-americanos, asiáticos, africanos, etc… tal como está acontecendo na Europa, tirando-se aí os sul-americanos. Tanto na norte-américa, quanto na Europa haverá um declínio muito acentuado dessas populações que fizeram a grandeza desses dois continentes. Na inglaterra, em algumas comunidades, a língua e costumes preponderantes já é o de populações árabes e outros povos muçulmanos. Felizmente, não estarei aqui para testemunhar isso, que deve durar mais algumas décadas. Afinal o Império Romano não caiu em apenas poucos anos, durou alguns poucos séculos, mas caiu.

      1. Desculpe, coloquei meu comentário como resposta ao seu por engano.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.