‘China será guardiã da economia global’, promete Xi Jinping na OMS

Presidente comunista é acusado de ocultar informações sobre a pandemia; garantiu que doará US$ 2 bilhões para a luta contra a covid-19
-Publicidade-
O presidente da República Popular da China, Xi Jinping | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
O presidente da República Popular da China, Xi Jinping | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR | O presidente da República Popular da China, Xi Jinping | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

Presidente comunista é acusado de ocultar informações sobre a pandemia; garantiu que doará US$ 2 bilhões para a luta contra a covid-19

O presidente da República Popular da China, Xi Jinping | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

Suspeito de ter omitido o potencial da pandemia de coronavírus, o presidente da China, Xi Jinping, pediu ontem num encontro da Organização Mundial da Saúde (OMS) “unidade” entre líderes mundiais pela criação de uma vacina.

-Publicidade-

Além disso, prometeu que vai doar US$ 2 bilhões (R$ 11,4 bilhões) para a batalha global contra a covid-19. E procurou eleger o seu país como “guardião da ordem multilateral” — ignorando o papel dos Estados Unidos.

Xi Jinping procura se descolar da imagem negativa que ganhou. Recentemente, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, garantiu ter relatórios com provas de que o coronavírus surgiu num laboratório de Wuhan.

Pompeo foi alvo de vários ataques da imprensa estatal chinesa.

Contudo, o apelo por união entre os países caiu por terra tão logo encerrado o encontro entre líderes. Jinping decidiu retaliar a Austrália depois de o país pedir a abertura de investigações que possam identificar a origem do patógeno.

Ataques a laboratórios

Oeste tem veiculado que grupos norte-americanos dedicados a estudar a covid-19 estão sendo alvos de ataques de hackers chineses.

Segundo as autoridades norte-americanas, a ofensiva pode atrapalhar o desenvolvimento da cura para a doença provocada pelo coronavírus.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

10 comentários Ver comentários

  1. Esse comunista FDP (como todos, aliás) quer ser o novo dono do planeta. E o canalha Doria planeja vender o estado de São Paulo para os chineses.

  2. Deus nos livre deste guardião, que mata, oprime e aprisiona seu povo!
    Imaginem se as investigações do USSS, concluírem que a China criou em laboratório o coronavírus como arma biológica?? Xi Jinping será promovido de guardião para genocida.

    1. Ele é GENOCIDA.
      Não só ele mas também a ONU ( OMS é um braço dela, assim como a OMC), todos juntos pela empreitada comunista globalista ,com interesses da China, que também faz parte do lobby farmaceutico no mundo.
      No Brasil, também há seus genocidas, e eles devem ser acusados e julgado como tal, o que não aceitaram o uso da hidroxicloroquina: Dória, Witsel, Caiado, Mandetta, e a maioria dos gov do NE

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.