Cofundador do Talibã volta ao Afeganistão depois de 10 anos fora do país

Baradar participou das negociações de paz com o governo dos Estados Unidos no Catar
-Publicidade-
O cofundador e chefe político do Talibã, Mullah Abdul Ghani Baradar
O cofundador e chefe político do Talibã, Mullah Abdul Ghani Baradar | Foto: Reprodução/YouTube

Chefe político e um dos confundadores do Talibã, Mullah Abdul Ghani Baradar voltou ao Afeganistão na terça-feira 17. Ele esteve fora do país por quase dez anos e fazia parte da equipe que negociou um cessar-fogo com os Estados Unidos em Doha, no Catar, como responsável pelo escritório diplomático do grupo extremista.

Leia também: “Talibã reprime protestos com violência em Jalalabad”

Preso em 2010 em Karachi, no sul do Paquistão, Baradar ganhou liberdade em 2018, a pedido do então presidente norte-americano, Donald Trump, para participar das negociações de paz.

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro