Com 54% da população vacinada, Chile tem 91% das UTIs ocupadas

77% das doses aplicadas no país foram da CoronaVac, o imunizante desenvolvido pela chinesa Sinovac
-Publicidade-
O país aplicou 17 milhões de doses da CoronaVac
O país aplicou 17 milhões de doses da CoronaVac | Foto: Divulgação/Ministério da Saúde do Chile

No Chile, a vacinação contra a covid-19 teve início no dia 3 de fevereiro de 2021. Em 28 de fevereiro, o Ministério da Saúde do país informava que 1.654 pacientes locais estavam internados em leitos de UTI. No fim de junho, 54% da população havia completado o ciclo de imunização contra a doença. Ainda assim, o número de pacientes em acomodações de alta complexidade subiu para 2.994 — a taxa de ocupação ficou em 91%, considerando-se a disposição de 263 vagas livres para novos doentes.

Dos 22 milhões de doses de vacinas aplicadas no Chile, 17 milhões (77,6%) são da CoronaVac — o imunizante desenvolvido pela chinesa Sinovac.

Leia também: “Precisamos falar sobre a CoronaVac”, reportagem de capa da Edição 67 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site