China confirma missão da OMS para investigar origem da covid-19

Comissão Nacional de Saúde informou que técnicos da organização chegam ao país na quinta-feira 14
-Publicidade-
O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus [<i>à esq.</i>], e o presidente da China, Xi Jinping
O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus [à esq.], e o presidente da China, Xi Jinping | Fonte: Xinhua

A Comissão Nacional de Saúde da China confirmou nesta segunda-feira, 11, que vai receber a missão da Organização Mundial da Saúde (OMS) que investigará a origem da covid-19.

Em comunicado publicado em seu site, a agência afirma apenas que os técnicos da OMS chegarão à China na quinta-feira 14 e que vão “cooperar” com os cientistas locais nas investigações.

A comissão não especifica os locais para onde os especialistas viajarão.

-Publicidade-

Leia também: “Coronavírus: China barra investigadores da OMS”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. Este cumprimento do presidente da OMS com o da China nos parece coisa de compadrio.
    O cachaceiro em Cuba deve estar comemorando.
    São raposas fiscalizando galinheiros!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.