-Publicidade-

China diz aguardar missão da OMS para investigar origem da covid-19

Diretor da organização afirmou estar "muito decepcionado" com Pequim
O vice-ministro da Comissão Nacional de Saúde da China, Zeng Yixin, garantiu que o país quer saber a origem do coronavírus
O vice-ministro da Comissão Nacional de Saúde da China, Zeng Yixin, garantiu que o país quer saber a origem do coronavírus | Foto: Reprodução/SaudeMaisTV

A China garantiu neste sábado, 9, que está finalizando os preparativos para receber a missão da Organização Mundial da Saúde (OMS) que investigará em Wuhan a origem da covid-19. O órgão criticou nesta semana o país de Xi Jinping por demorar para liberar a viagem.

A afirmação das autoridades chinesas ocorreu depois de o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, ter afirmado que estava “muito decepcionado” com Pequim por não ter concedido as permissões necessárias para a chegada da equipe de especialistas da organização a Wuhan.

“Assim que esses especialistas concluírem os procedimentos e confirmarem o plano, iremos a Wuhan para acompanhar as investigações”, afirmou o vice-ministro da Comissão Nacional de Saúde, Zeng Yixin.

Dias antes, as autoridades chinesas se negaram a confirmar os detalhes da viagem, em um gesto que mostra o incômodo do regime chinês com o tema. O país tenta se desvencilhar da responsabilidade pela pandemia, que já deixou quase 2 milhões de mortos no mundo.

Leia também: “Coronavírus: China barra investigadores da OMS”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Seria o mesmo que algum bandido mandar um comparsa verificar se há alguma coisa suspeita em seu covil. Obviamente se essa visita acontecer, esta não passará de uma operação de desinformação. Surpresa zero para quem conhece a OMS e o PCCh.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês