Covid-19: Estados devem receber mais 11,3 milhões de doses de vacina até o fim de fevereiro

O anúncio foi feito em uma reunião com os governadores estaduais nesta quarta-feira, 17
-Publicidade-
Até o fim de julho, o Ministério da Saúde irá entregar 230 milhões de doses da vacina para combater o coronavírus
Até o fim de julho, o Ministério da Saúde irá entregar 230 milhões de doses da vacina para combater o coronavírus | Foto: Erbs Jr./FramePhoto/Estadão Conteúdo

De acordo com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, os Estados brasileiros devem receber mais 11,3 milhões de doses da vacina contra a covid-19 até o fim de fevereiro. O anúncio foi feito em uma reunião com os governadores estaduais ontem, quarta-feira 17.

Leia também: “Coronavírus: Ministério da Saúde já gastou R$ 678,5 milhões com respiradores durante a pandemia”

A maior parte, 9,3 milhões, será da CoronaVac, o imunizante desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. Os 2 milhões restantes serão do imunizador desenvolvido pela Universidade de Oxford junto com a farmacêutica AstraZeneca — a carga virá da Índia. Entretanto, essa vacina já está em produção no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz.

-Publicidade-

Na mesma oportunidade, Pazuello informou que, até o fim de julho, o Ministério da Saúde deve entregar 230 milhões de doses de vacinas para combater o coronavírus.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.