-Publicidade-

Pfizer começa a testar vacina contra a covid-19

Laboratório Pfizer almeja aplicar 100 milhões de doses ainda em 2020
Foto: DIVULGAÇÃO
Foto: DIVULGAÇÃO | pfizer - vacina contra a covid-19

Laboratório Pfizer almeja aplicar 100 milhões de doses ainda em 2020

pfizer - vacina contra a covid-19
Foto: DIVULGAÇÃO

Ao lado da empresa alemã de biotecnologia BioNTech, a Pfizer deu início hoje a mais uma etapa de seus trabalhos no desenvolvimento de vacina contra a covid-19. O laboratório norte-americano começou o ensaio clínico com participação de 30 mil voluntários em todo o mundo.

Leia mais: “Grupos de risco terão prioridade na vacinação para covid-19”

De acordo com a própria Pfizer, a etapa é a última antes de solicitar autorização para comercializar a vacina. Conforme informações da agência Lusa, o ensaio clínico recrutou 30 mil pessoas por meio de 120 centros. Os selecionados são homens e mulheres de 18 a 85 anos. Assim, parte dos testados pertence à terceira idade — faixa considerada fator de risco para a doença provocada pelo novo coronavírus.

Apesar de o teste clínico ter sido anunciado agora, a farmacêutica já pensa em ver a vacina disponível no mercado. Nesse sentido, representantes da empresa trabalham com a estimativa de 100 milhões de doses aplicadas até dezembro deste ano. Por fim, a companhia espera disponibilizar 1,3 bilhão de unidades do antídoto até o fim de 2021.

Com a etapa iniciada hoje, a Pfizer se movimenta na corrida para produzir vacina contra a covid-19. Conforme noticiado por Oeste no último fim de semana, a Organização Mundial da Saúde (OMS) avisa que há mais de 100 projetos em desenvolvimento.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Existe um erro de digitação na matéria. Serão aplicadas 100 milhões esse ano e o texto fala em 1,3 milhões em 2021.Não seria 1,3 bilhões ?

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês