Revista Oeste - Eleições 2022

Embaixada aconselha brasileiros a deixarem região separatista na Ucrânia

A orientação tem como base o 'contexto do aumento das violações de cessar-fogo', segundo o Itamaraty
-Publicidade-
Outros 35 países também pediram que seus cidadãos deixem o território ucraniano
Outros 35 países também pediram que seus cidadãos deixem o território ucraniano | Foto: Reprodução/Ukrinform

A embaixada do Brasil na Ucrânia recomendou neste sábado, 19, que os brasileiros evitem as Províncias de Donestsk e Luhansk, regiões dominadas por rebeldes pró-Rússia.

“Cidadãos que já estejam nessas regiões, que considerem deixá-las sem demora”, informou o aviso.

“Os cidadãos brasileiros na Ucrânia devem ainda estar atentos à possibilidade de novos cancelamentos ou adiamento de voos internacionais na próxima semana.”

-Publicidade-

A embaixada brasileira alegou que a orientação tem como base o “contexto do aumento das violações de cessar-fogo registradas na linha de contato no leste da Ucrânia”.

A empresa aérea Lufthansa anunciou neste sábado que irá suspender temporariamente os voos de Kiev e Odessa, a partir de segunda 21 até o final do mês.

Outros 35 países também pediram que seus cidadãos deixem o território ucraniano diante da escalada das tensões na região e da possibilidade de confronto armado.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Não entendi, Bolsonoro, segundo o babá ovo do Ricardo Salles, o contrabandista, o presidente tinha ligado para Putin e evitado a guerra. Só rindo!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.