-Publicidade-

EUA, Coreia do Sul e Japão se reúnem para discutir reação à Coreia do Norte

Na semana passada, regime do ditador norte-coreano Kim Jong-un lançou dois mísseis balísticos em direção ao Mar do Japão
Ditador norte-coreano Kim Jong-un lançou mísseis em provocação ao governo de Joe Biden
Ditador norte-coreano Kim Jong-un lançou mísseis em provocação ao governo de Joe Biden | Foto: KCNA

Representantes dos governos de Estados Unidos, Coreia do Sul e Japão se reúnem nesta sexta-feira, 2, em uma base naval de Maryland (EUA) para tratar da nova política norte-americana para a Coreia do Norte.

Leia mais: “Coreia do Norte lançou mísseis balísticos, dizem militares sul-coreanos”

O encontro conta com a participação do conselheiro de segurança nacional do governo de Joe Biden, Jake Sullivan, e de seus equivalentes nos dois países asiáticos — Suh Hoon (Coreia do Sul) e Shigeru Kitamura (Japão). É a primeira reunião entre os três países desde a posse de Biden.

Na semana passada, como noticiamos, o regime do ditador norte-coreano Kim Jong-un lançou dois mísseis balísticos em direção ao Mar do Japão. O ato foi interpretado como provocação ao governo Biden. Os mísseis percorreram cerca de 450 quilômetros e chegaram à altitude máxima de 60 quilômetros.

Leia também: “Castas, poder e culto ao ‘grande líder’”, reportagem publicada na Edição 46 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.