EUA não sabem quantos americanos estão no Afeganistão, diz chanceler de Biden

Em entrevista coletiva, Antony Blinken afirmou que o governo atua para ter mais precisão de dados
-Publicidade-
Presidente e chanceler sabiam do avanço do Talibã em julho
Presidente e chanceler sabiam do avanço do Talibã em julho | Foto: Reprodução/YouTube

O secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, disse a repórteres que o governo Biden desconhece o número exato de norte-americanos que procuram deixar o Afeganistão ou daqueles que foram evacuados. Segundo o chanceler, há aproximadamente 1,5 mil pessoas que “podem ser americanos no Afeganistão”. “Esses são cálculos dinâmicos que estamos trabalhando hora a hora para refinar a precisão”, declarou Blinken, em entrevista coletiva, na quarta-feira 25.

“O número específico de americanos que estão no Afeganistão, e querem partir, pode aumentar e pode diminuir”, acrescentou o diplomata. “Descobrimos que muitas pessoas que nos contatam e se identificam como cidadãos americanos não são, na verdade, cidadãos americanos”, afirmou. Blinken admitiu ainda que as estimativas de 4,5 mil evacuações de norte-americanos e suas famílias também podem ser imprecisas. “Trata-se de um número dinâmico.”

Conforme noticiou a Revista Oeste, Blinken e Biden sabiam da iminência da queda da capital Cabul para o Talibã. Relatórios de inteligência mostrando o avanço de extremistas no país são datados de julho deste ano. Os radicais tomaram o poder, efetivamente, em 15 de agosto, depois da fuga do presidente. Dias antes, Biden ordenara a evacuação de militares dos EUA sem contrapartidas com integrantes do grupo terrorista.

-Publicidade-

Leia também: “O fiasco de Joe Biden”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 74 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro