Evangeline Lilly, atriz da Marvel, protesta contra vacina obrigatória

Intérprete da heroína Vespa afirma que ninguém deve ser forçado a injetar nada em seu corpo contra sua vontade
-Publicidade-
Atriz interpretou a personagem Vespa no filme Homem-Formiga e a Vespa, de 2018.
Atriz interpretou a personagem Vespa no filme Homem-Formiga e a Vespa, de 2018. | Foto: Divulgação/Marvel

Na quinta-feira 27, a atriz canandense Evangeline Lilly, que interpreta a personagem Vespa no Universo Cinematográfico Marvel, participou de uma manifestação contra a obrigatoriedade de vacinas contra covid-19. 

A atriz segue o exemplo de sua colega, Letitia Wright, estrela do filme Pantera Negra, da Marvel, que também tem se posicionado contra a obrigatoriedade da vacinação anticovid. 

Atriz da Marvel diz ser “pró-escolha”

-Publicidade-

Em uma publicação no Instagram, Evangeline escreveu que ninguém deve ser forçado a injetar nada em seu corpo contra sua vontade. E cita as ameaças que podem ser utilizadas para isso, como: perda de emprego, perdas na educação e prisão ou detenção sem julgamento. 

“Este não é o caminho. Isso não é seguro. Isso não é saudável. Isto não é amor. Compreendo que o mundo esteja com medo, mas não acredito que responder ao medo com força resolverá nossos problemas”, escreveu Evangeline, acrescentando que era “pró-escolha” antes da covid, e continua a ser agora. 

Manifestação em Washington contra vacina obrigatória

A manifestação que a atriz participou ocorreu no domingo, 23, em Washington, capital dos Estados Unidos, e foi convocada pelo advogado Robert F. Kennedy Jr, sobrinho do ex-presidente americano  John F. Kennedy. Segundo os organizadores, mais de 30 mil pessoas protestaram contra a obrigatoriedade da vacinação contra covid-19.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

7 comentários Ver comentários

  1. Bonito de ver Marvel e DC competindo pelo posto de progressista do universo.
    Vilões se tornando heróis sem pagar pelos crimes que cometeram com verdadeiras absolvições instantâneas, heróis históricos se tornando vilões, mudanças de orientação sexual e gênero a torto a a direito.
    Estou dispensando.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.